Formação de educadores e a educação inclusiva: da sensibilidade ético-política à condição humana

Marisa Soares

Resumo


Esta pesquisa focalizou a educação especial no ensino fundamental, objetivou investigar a convivência cotidiana da inclusão do aluno especial com seus professores, colegas de classe e demais participantes da escola pesquisada. As metodologias utilizadas foram o Estudo de Caso em uma escola municipal e a Revisão Bibliográfica. Descreve-se, a partir dos relatórios desenvolvidos no cotidiano escolar do ensino fundamental de nove anos, uma análise bibliográfica, baseada principalmente pela perspectiva de um processo de ensino e aprendizagem inclusivo da Educação Especial. Consideramos que no atual contexto, o ideal a ser resgatado é a nossa diversidade e nossa integridade humana, pois a condição da Educação relaciona-se reciprocamente com a condição humana. O papel da Educação situa-se na possibilidade da inclusão social, da diminuição das desigualdades e da discriminação para com as pessoas que não tiveram acesso ao ensino, ao trabalho, aos seus direitos e aos meios culturais.

Palavras-chave


Formação docente. Educação Inclusiva. Educação Especial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/cpg.v17n2.7169

Direitos autorais 2018 Cadernos de Pós-graduação



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Cadernos de Pós-graduação
ISSN da versão online: 2525-3514
www.cadernosdepos.org.br