Políticas Editoriais

Foco e Escopo

Publicação científica do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Nove de Julho (Uninove) que se destina a estimular e a divulgar, sob temáticas educacionais definidas anualmente por seu Conselho Editorial, questões e debates de interesse da comunidade acadêmica, por meio de artigos de cunho transdisciplinar, em intercâmbio e cooperação interinstitucional.

 

Políticas de Seção

Dossiê Temático: Pensamento decolonial e interculturalidade na América Latina - desafios para a educação

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigos

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Dossiê temático - Educação e movimentos sociais

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê temático - Paulo Freire e a Educação de Adultos

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Paulo Freire e a produção do conhecimento acadêmico

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Educação e arte

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Educação, juventude e contestação social

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Educação e arte - exame crítico e proposições

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Políticas Educacionais

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Educação e Juventude

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê temático: Plano Nacional de Educação (PNE) 2014-2024: compromissos, desafios e perspectivas

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Papel Formativo da Filosofia

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Plano Nacional de Educação (PNE) e a educação infantil

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático - Papel formativo da Filosofia

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático: A Universidade Popular no Brasil

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático: Filosofia e formação humana na educação básica

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Políticas curriculares. Das discussões sobre a construção da Base Nacional Comum Curricular da Educação Básica (BNC)

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático: Formação e AutoFormação

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê temático: Políticas de educação superior

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático: Economia política e educação

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resumos

Não verificado Submissões abertas Não verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Dossiê temático: Paulo Freire e a onda neoconservadora

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático: Pedagogia Social

 

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Dossiê Temático: Educação Infantil e suas Infâncias

 

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

As colaborações submetidas são avaliadas, primeiramente, quanto ao seu caráter científico e seu alinhamento em relação às diretrizes aos autores, ao foco e ao escopo da revista.

Todos os artigos submetidos a revista passam pela verificação do programa CopySpider, trata-se de um software аnti-plágio (detector de plágio).

Quando o trabalho submetido não for adequado à política editorial da Revista, será arquivado e a decisão será comunicada aos autores.

Caso seja verificada a pertinência e o caráter de originalidade, a avaliação prossegue no sistema de revisão por pares duplo-cego (processo de peer review), a cargo dos parecerias ad hoc– especialistas designados em função do tema do artigo. Os pareceristas são professores e pesquisadores associados a programas de pós-graduação stricto sensu de instituições de ensino nacionais ou estrangeiras.

Para publicação, é necessária dupla aprovação. Havendo divergência entre os pareceres, os textos serão encaminhados a um terceiro parecerista. 

Os pareceristas podem:aceitar o artigo, solicitar revisões, ou rejeitar. Qualquer uma das hipóteses é justificada por um parecer descritivo. Quando os dois pareceristas recusam o trabalho, o artigo é arquivado. Quando os dois pareceristas aceitam o trabalho, ele passa à fase seguinte. Por fim, quando um ou os dois pareceristas solicitam reformulações, o trabalho é devolvido ao autor, solicitando que o mesmo considere os pareceres e reformule o artigo. Quando o autor reenvia o texto reformulado, segundo as sugestões dos pareceristas, ele é reavaliado.

Os artigos aceitos para publicação poderão sofrer revisões editoriais para facilitar sua clareza e entendimento sem alterar seu conteúdo.

O tempo médio entre a submissão do artigo e a publicação, mediado pelo processo de avaliação é de, aproximadamente, 6 meses.

Cabe aos editores a decisão sobre a edição onde o artigo será publicado.

 

Periodicidade

EccoS – Revista Científica passa a ser uma publicação trimestral a partir de 2019

  • Primeiro trimestre, jan./mar., limite para publicar a edição 31 março.
  • Segundo trimestre, abr/jun., limite para publicar a edição 30 junho.
  • Terceiro trimestre, jul./set., limite para publicar a edição 31 agosto.
  • Quarto trimestre, out./dez., limite para publicar a edição 31 dezembro.

 

Política de Acesso Livre

Este periódico disponibiliza acesso livre “open access” a todo o seu conteúdo, podendo os artigos serem lidos, descarregados, copiados, distribuídos, impressos e/ou pesquisados.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

 

Código Ético de Conduta

CÓDIGO DE ÉTICA DOS EDITORES

1. Deveres e responsabilidades gerais dos editores:

Os editores serão, em última  instância, responsáveis pelos artigos publicados na Eccos – Revista Científica.
Na sua atividade editorial constituem seus deveres fundamentais:
• atender às necessidades dos leitores a quem se destina a revista e dos autores que nela publicam;
• contribuir para melhorar, constantemente, a qualidade da revista;
• garantir a qualidade científica dos artigos que são publicados;
• garantir, permanentemente, a liberdade de expressão, independentemente de credos, posições políticas, ideológicas e acadêmicas;
• tendo em consideração que a Eccos é uma revista científica da área da Educação,  constitui dever dos editores contribuir para a manutenção da linha acadêmica para a qual a Eccos está vocacionada;
• impedir desvios no que se refere aos padrões intelectuais;
• sempre que necessário, os editores estarão dispostos a publicar correções, esclarecimentos, retratações e apresentar, sempre que necessário, pedidos de desculpa aos autores e/ou aos leitores.

2. Relações com os leitores

A Eccos – Revista Científica tornará público aos seus leitores as origens dos financiamentos, sempre que alguma pesquisa publicada tenha sido financiada por alguma instituição ou agência de fomento e qual o papel das respectivas agências e/ou instituições nas referidas pesquisas.

3. Relações com autores

Os editores tomarão todas as medidas razoáveis para garantir a qualidade dos artigos ou outro material que publicam, tendo em consideração os objetivos e padrões das seções que constituem a revista.
As decisões dos editores no que diz respeito à aceitação ou rejeição de um artigo para publicação serão baseadas na originalidade, finalidade, relevância do estudo em função dos objetivos acadêmicos da revista.
O processo de revisão por pares consta das normas de publicação de artigos, dossiês temáticos, resenhas críticas e os editores estarão sempre dispostos a justificar qualquer desvio que possa surgir relativamente aos processos de revisão descritos nas normas.
Os autores dos artigos submetidos à Eccos – Revista Científica poderão, sempre que o entenderem, manifestar-se contra as decisões editoriais, em carta dirigida aos editores. Os editores responderão obrigatória e justificadamente às solicitações dos autores.
Os editores publicarão as orientações aos autores no que diz respeito à originalidade, cientificidade  do material a publicar, tal como as normas que deverão seguir para a submissão dos seus artigos.
As orientações aos autores serão atualizadas com regularidade e, necessariamente, estarão vinculadas ao presente código ético de conduta.
Os editores não tomarão a decisão de publicar artigos cuja avaliação por pares tenha sido negativa.
No caso de alteração de editores da Eccos – Revista Científica, a política editorial não se alterará, a não ser que sejam identificados erros cometidos pelos editores anteriores.

4. Relações com os revisores

Os editores publicarão orientações aos colaboradores no que diz respeito às normas seguidas pela revista, à revisão por pares e à sua responsabilidade científica, tendo em vista a manutenção da qualidade acadêmica dos artigos a publicar. Estas orientações serão atualizadas regularmente e estarão, necessariamente, vinculadas a este código.
Os editores garantem o sigilo em relação à identidade dos revisores e dos autores dos artigos a não ser que o sistema de revisão possa, em determinados casos, ser aberto, o que será comunicado aos autores e revisores.

5. O processo de revisão por pares

As colaborações submetidas são avaliadas, primeiramente, quanto ao seu caráter científico e seu alinhamento em relação às diretrizes aos autores, ao foco e ao escopo da revista.

Todos os artigos submetidos a revista passam pela verificação do programa CopySpider, trata-se de um software аnti-plágio (detector de plágio).

Quando o trabalho submetido não for adequado à política editorial da Revista, será arquivado e a decisão será comunicada aos autores.

Caso seja verificada a pertinência e o caráter de originalidade, a avaliação prossegue no sistema de revisão por pares duplo-cego (processo de peer review), a cargo dos parecerias ad hoc– especialistas designados em função do tema do artigo. Os pareceristas são professores e pesquisadores associados a programas de pós-graduação stricto sensu de instituições de ensino nacionais ou estrangeiras.

Para publicação, é necessária dupla aprovação. Havendo divergência entre os pareceres, os textos serão encaminhados a um terceiro parecerista. 

Os pareceristas podem aceitar o artigo, solicitar revisões, ou rejeitar. Qualquer uma das hipóteses é justificada por um parecer descritivo. Quando os dois pareceristas recusam o trabalho, o artigo é arquivado. Quando os dois pareceristas aceitam o trabalho, ele passa à fase seguinte. Por fim, quando um ou os dois pareceristas solicitam reformulações, o trabalho é devolvido ao autor, solicitando que o mesmo considere os pareceres e reformule o artigo. Quando o autor reenvia o texto reformulado, segundo as sugestões dos pareceristas, ele é reavaliado.

Os artigos aceitos para publicação poderão sofrer revisões editoriais para facilitar sua clareza e entendimento sem alterar seu conteúdo.

Cabe aos editores a decisão sobre a edição onde o artigo será publicado.

 

6. Reclamações

Os editores garantem que todos os autores têm direito a apresentar as suas reclamações aos editores, sempre que o julguem necessário e oportuno.
Os editores responderão, prontamente, às reclamações e garantirão o direito de resposta aos autores. O processo de reclamação será efetuado por carta dirigida aos editores e os autores poderão exigir a reavaliação dos seus artigos no caso de discordância relativamente ao resultado da primeira avaliação. Estas diretrizes  constam das normas aos autores, publicadas na revista.

7. Incentivo ao  debate
A Eccos – Revista Científica privilegia o debate democrático e, por isso, garante a possibilidade de crítica em relação aos trabalhos publicados. Compete aos editores decidir se as críticas apresentadas são ajustadas, fundamentadas e convincentes.
Os autores terão a oportunidade de responder às críticas respeitantes aos seus artigos.

8. Incentivo à integridade acadêmica 

Os editores garantem que o material de pesquisa publicado está em conformidade com as diretrizes éticas internacionalmente aceites. Garantem, também, que as pesquisas que envolvam aspectos relacionados com os direitos humanos só serão publicadas após um parecer favorável do comitê de ética da Universidade Nove de Julho (UNINOVE).

9. Proteção de dados individuais

Os editores garantem a proteção da confidencialidade da informação individual. Não divulgarão, por exemplo, a identidade dos sujeitos de pesquisa e dados pessoais no caso de pesquisas empíricas. Exigirá dos autores dos artigos de pesquisas empíricas a garantia de que os sujeitos de pesquisa manifestaram o seu consentimento, por escrito, de participação na pesquisa.
Tendo em consideração que a Eccos – Revista Científica é uma publicação da área da educação, os editores aceitarão todos os artigos de pesquisa empírica sem o consentimento dos sujeitos de pesquisa desde que a publicação dos referidos artigos não fira a dignidade dos sujeitos envolvidos.

10. Procedimentos relativos a condutas antiéticas

Os editores seguem as normas internacionais relativas aos trabalhos plagiados. Rejeitam, em absoluto, todas as formas de plágio e só publicarão artigos com a garantia, por parte dos autores, da originalidade dos seus trabalhos.
Os editores estarão atentos aos processos de autoplágio e farão, sempre que julguem oportuno, recomendações aos autores.
No caso de algum autor apresentar à Eccos – Revista Científica um trabalho total ou parcialmente plagiado, ser-lhe-á vedado, definitivamente, o acesso à possibilidade de publicação.  Esta diretiva será, obrigatoriamente, transmitida aos autores e ser-lhes-á garantido o direito de resposta.
Os editores farão todos os esforços para garantir que as pesquisas publicadas foram conduzidas de acordo com as normas éticas de pesquisa científica definidas pelos organismos internacionais.

11. Garantia de integridade do registro acadêmico

Os editores garantem que, no caso de publicação de trabalhos com imprecisões significativas ou afirmações distorcidas ou enganosas, procederão à sua correção dando-lhe o destaque adequado tendo em vista a reposição do rigor e verdade científicos e por respeito aos leitores da revista.
Os editores garantem que transmitirão às redes em que a Eccos –  Revista Científica esteja indexada todas as informações relativas a trabalhos que, eventualmente, possam ter sido publicados com imprecisões ou afirmações distorcidas ou enganosas.
A Eccos – Revista Científica seguirá as suas normas e política editoriais, não se desviando dos seus objetivos prioritários: fomentar a pesquisa na área da educação e contribuir para o debate democrático em nível nacional e internacional sobre todas as temáticas relacionadas com a educação, pressionando, por meio das pesquisas que divulga, a melhoria das práticas educacionais.

12. Independência editorial

Os editores da Eccos – Revista Científica regem-se pelos princípios de democraticidade, garantindo a divulgação de trabalhos científicos baseados no rigor, qualidade científica e originalidade, independentemente das opções políticas e ideológicas dos seus autores. Os editores seguirão e cumprirão o princípio de independência editorial.

13. Relações dos editores com o conselho editorial

O conselho editorial da Eccos – Revista Científica é constituído por membros de reconhecido mérito acadêmico, pertencentes a instituições de educação superior nacionais e internacionais. Neste sentido, os editores garantem que procederão à consulta do conselho editorial e terão em consideração as suas críticas, comentários e propostas, tendo em vista a melhoria da qualidade científica da revista. Esta consulta será feita anualmente.

14. Conflitos de interesses

Os conflitos que, eventualmente, possam surgir entre editores, autores, revisores e leitores e que não possam ser solucionados, apenas, com a intervenção dos editores, serão solucionados, por uma comissão que terá a participação do diretor do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) ao qual pertence a revista. Esta comissão, após avaliação e decisão, elaborará uma resposta que será transmitida aos interessados.

15. Cumprimento do Código de Ética

Os editores farão todos os esforços no sentido do cumprimento do presente Código de Ética que, após a sua publicação, entrará imediatamente em vigor.

 

Deveres do Publisher

 Estamos empenhados em garantir que a obtenção de verbas de publicidade, reimpressão ou outra receita comercial não tem qualquer impacto ou influência sobre as decisões editoriais.

Os nossos artigos são revisados para garantir a qualidade das publicações científicas e também somos usuários dp CopySpider (software para identificação de plágio).

Esta Política de Ética é baseada em recomendações do COPE Diretrizes de Melhores Práticas para Editores de Revistas


 
Editores da Eccos
Revista Científica

 

Taxa de Processamento de Artigos

Eccos Revista Científica não cobra qualquer tipo de taxa dos autores para:
  • Submissão
  • Avaliação 
  • Publicação
 

 

Declaração de Direito Autoral

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:
 
  • O(s) autor(es) autoriza(m) a publicação do texto na da revista;
  • O(s) autor(es) garantem que a contribuição é original e inédita e que não está em processo de avaliação em outra(s) revista(s);
  • A cessão dos direitos autorais da publicação deste artigo à EccoS Revista Científica;
  • A indexação deste artigo em bases de dados nacionais e internacionais, diretórios, bibliotecas digitais e bases bibliométricas em que a Revista estiver e vir a estar inserida;
  • A revista não se responsabiliza pelas opiniões, idéias e conceitos emitidos nos textos, por serem de inteira responsabilidade de seu(s) autor(es);
  • É reservado aos editores o direito de proceder a ajustes textuais e de adequação às normas da publicação.
  • Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Attribution 4.0  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal) a qualquer ponto antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja O Efeito do Acesso Livre) em http://opcit.eprints.org/oacitation-biblio.html
 

 

Política Anti-plágio

Todos os artigos encaminhados à EccoS - Revista Científica passarão pela verificação do programa CopySpider (software detector de plágio).
A Revista segue as normas internacionais relativas aos trabalhos plagiados. Rejeita, em absoluto, todas as formas de plágio e só publica artigos com a garantia, por parte dos autores, da originalidade dos seus trabalhos.
Os editores estarão atentos aos processos de autoplágio e farão, sempre que julguem oportuno, recomendações aos autores.
No caso de algum autor apresentar à Eccos – Revista Científica um trabalho total ou parcialmente plagiado, ser-lhe-á vedado, definitivamente, o acesso à possibilidade de publicação.  Esta diretiva será, obrigatoriamente, transmitida aos autores e ser-lhes-á garantido o direito de resposta.
 

 

Preservação Digital

EccoS - Revista Científica  se preocupa com o acesso ao conteúdo a longo prazo. Utilizamos o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes permitindo  às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração.