Chamada de Dossiê Temático: EDUCAÇÃO INFANTIL E SUAS INFÂNCIAS

Compreender as crianças como seres sociais, sujeitos de direitos e produtoras de cultura impõe revisitar as questões políticas, culturais e sociais atinentes à infância, bem como demanda analisar os impactos dessas dimensões na vida dos pequenos. Ao considera-la como fenômeno complexo e múltiplo – como infâncias, portanto -, o campo dos estudos sociais da infância tem estabelecido diálogo com diversas disciplinas, na busca de qualificar os contextos em que as crianças estão inseridas. Há de se reconhecer que elas vivem, assim como os adultos, em uma sociedade plural na qual os processos de socialização são confrontados com um conjunto de valores e perspectivas advindas das culturas escolar, familiar, midiática, infantil e dos círculos mais próximos de relações, com implicações para as propostas educativas e práticas pedagógicas a elas dirigidas.

Nesse sentido, a proposta deste Dossiê tem por referência a educação infantil e suas infâncias, num horizonte de reflexão que pretende atrair artigos, ensaios e experiências de pesquisa que pautem o debate em torno da institucionalidade educacional e da pluralidade de vozes das crianças, dessa forma entrevendo fenômenos sociais, culturais e políticos nem sempre reconhecidos na experiência pedagógica. Não obstante as diferentes abordagens possíveis, a proposta deste Dossiê é compartilhar preocupações e perspectivas em torno da educação infantil como um campo no qual cabe mais revelar que ocultar as diferentes possibilidades e os diferentes desafios que temos como profissionais de sua educação.

Priorizamos os seguintes eixos que orientarão as propostas de texto:

  • Formação humana e socialização das crianças na Educação Infantil.
  • Culturas infantis e concepções de infância nas creches e pré-escolas.
  • Fundamentos e implicações das políticas públicas para Educação Infantil.
  • Os direitos das crianças e sua relevância para a Educação Infantil.
  • Processos de socialização das crianças e relações inter-geracionais nas instituições educativas.
  • Formação de professores para a Educação Infantil.

Thematic Dossier: "Children education and their childhoods"

 ECCOS - JOURNAL., N. 50, july / September 2019

Deadline for submissions: April 10th, 2019

Recognizing children as social beings, possessing rights and producers of culture demands revisiting political, cultural and social issues connected to childhood, as well as it requires to examine the impacts of these dimensions on the children’s lives. By considering it as a complex and multiple phenomenon - as childhoods, therefore - the field of childhood studies has established communication with several disciplines, in order to qualify the contexts in which children are involved. It must be acknowledged that they exist, like adults, in a multiple society in which the  socialization processes are opposed to a set of values and perspectives from the school, family, media, and childhood cultures; also from the closest circles of relations, with implications for educational proposals and practices addressed to them.

From this point of view, the proposal of this Dossier has children education and their childhood as a reference, in a horizon of reflection that aims at attracting articles, essays and research experiences that guide the debate around the educational institutions and the plurality of children’s voices. In this sense, we relate social, cultural and political phenomena not always accepted in the educational experience. Notwithstanding the different possible approaches, the proposal of this Dossier is to share concerns and perspectives about children education as a field in which it is more likely to reveal that hiding the different possibilities and the different challenges that we have as professionals of their education.

We prioritize the following axes that will guide the text proposals:

• Human education and socialization of children in Early Childhood Education;

• Children's cultures and conceptions of childhood in kindergartens and pre-schools;

• Fundamentals and implications of public policies for Early Childhood Education;

• Children’s rights and their relevance to Early Childhood Education;

• Socialization processes  of children and intergenerational relations in educational institutions.