Políticas educacionais, avaliação de sistema e melhoria da qualidade na educação básica: experiências de dois municípios paulistas

Ocimar Munhoz Alavarse, Cristiane Machado, Maria Helena Bravo

Resumo


Neste artigo, pretende-se abordar as políticas educacionais desenvolvidas em dois municípios paulistas que estariam associadas à melhoria da qualidade da educação, partindo-se de resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Inicialmente são destacados elementos da avaliação de sistema que evidenciam possível potencial de impactar na qualidade do ensino e, por fim, são apontados aspectos pelos quais tais avaliações podem ser utilizadas de forma a alimentar uma análise dos dados que permita às redes e escolas reunir condições para avançar nos seus projetos pedagógicos e na qualidade do ensino oferecido.

Palavras-chave


política educacional; avaliação de sistema; qualidade do ensino

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n31.3627

Direitos autorais



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica
ISSN da versão online: 1983-9278
ISSN da versão impressa: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br