Discutindo sobre a evasão em um curso de licenciatura em matemática a distância

Silvana Claudia Santos

Resumo


Este artigo tem por meta discutir a evasão em um curso de Licenciatura em Matemática a distância, a partir das perspectivas de seus alunos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, cujos dados foram coletados, principalmente, por meio de entrevistas junto a alunos iniciantes, tutores presenciais e diretores dos polos. Com base nos dados, concluiu-se que as causas da evasão, diretamente ligadas ao curso, estão associadas à dificuldade de adaptação à modalidade e à Matemática em si. Além disso, foi possível inferir que muitos dos problemas enfrentados no curso em questão são comuns a aqueles oferecidos na modalidade presencial. Diante disso, uma análise mais aprofundada, que considere outros aspectos, além da modalidade educacional, deve ser feita, de modo a estudar as principais causas da evasão, avaliar as suas consequências e repensar as propostas para que ações sejam implementadas visando buscar mudanças desta realidade e não apenas reiterar os altos índices.

Palavras-chave


Educação Matemática. Educação a Distância. Formação Inicial de Professores.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n34.4548

Direitos autorais



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica
ISSN da versão online: 1983-9278
ISSN da versão impressa: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br