Práticas de Green Logistic: Uma Abordagem Teórica sobre o Tema

Emanuele Engelage, Altair Borgert, Marcos Antonio De Souza

Resumo


Este estudo objetiva identificar as principais práticas de green logistic consideradas na literatura acadêmica nacional e internacional. Por meio de técnicas padronizadas de seleção de estudos anteriores, primeiramente apresenta a definição do termo green logistic, ao diferenciá-lo de outros conceitos comumente tratados de forma similar, como a economia circular, a gestão verde da cadeia de suprimentos (GSCM), a logística reversa e as certificações ambientais (ISO 14001), para a obtenção de maior clareza acerca das suas delimitações, abrangências e profundidade. O estudo também organiza uma taxonomia que envolve diferentes áreas funcionais da empresa, com direcionamento às condutas sustentáveis, o que resulta em nove componentes da green logistic que servem de subsídio para a classificação das práticas identificadas. Com base nessa definição conceitual e na taxonomia, lista 112 práticas de green logistic, das quais 85 são de âmbito empresarial, 24 governamental e 3 em relação aos consumidores. No que se refere à quantidade de práticas identificadas e ao número de citações, tanto na esfera empresarial quanto na governamental, a fatia mais representativa está relacionada aos transportes verdes. Dentre as práticas mais citadas estão a busca por entregas mais eficientes, ao utilizar transportes intermodais ou multimodais que sejam menos poluentes e a programação e otimização dos fluxos de entregas. A pesquisa também revelou que, apesar de o conceito de green logistic estar consolidado na literatura, a maioria dos estudos, principalmente os empíricos, concentra-se em alguns de seus componentes, em especial os transportes e a logística reversa.


Palavras-chave


Green logistic. Práticas de gestão socioambiental. Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/geas.v5i3.446

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade



Rev. Gest. Ambient. Sustentabilidade, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2316-9834

Rua Vergueiro, 235/249 - Liberdade, São Paulo - SP (Brasil), Cep: 01504-000

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional