Riesgo, Innovación y Desarrollo en un Clima Cambiante: El Papel de las Políticas de Preparacíon para Sequías y Gestión de Riesgo de Desastres en Ceará, Brasil

Carlos Germano Ferreira Costa, Ana Karina Cavalcante Holanda, Carlos Gregorio Hernández Díaz-Ambrona

Resumo


As secas estão entre os tipos mais comuns de desastres, gerando grandes impactos socioeconômicos no mundo, especialmente quando se considera o caráter silencioso que elas apresentam. Esses fenômenos são cada vez mais frequentes, intensos e duradouros, o que nos dá uma ideia do que pode acontecer com a acentuação das mudanças climáticas. Este artigo visa proporcionar uma visão geral das medidas e políticas que abordam prevenção e preparação para as secas, frente aos impactos das alterações climáticas, no Estado do Ceará, Brasil. Este estudo aborda questões de políticas públicas relacionadas à gestão do risco de secas, a fim de permitir uma maior compreensão das políticas e programas, experiências e perspectivas baseadas no processo de elaboração do Plano Integrado de Gestão de Risco de Desastres o Estado do Ceará, Brasil (PIGRD-CE), assim como no desenvolvimento do Sistema de Alerta Precoce – Monitor de Secas –, bem como aborda a coordenação política que levou à criação do Comitê das secas. Como resultado, nós entendemos essa estratégia, fundamentada em preparação para secas, como uma ferramenta capaz de aumentar a adaptabilidade e resiliência do processo político. Nesse sentido, apresenta-se a experiência acumulada pelo Estado do Ceará nos processos de gestão de secas com potencial promissor para replicabilidade em outros países latino-americanos também sujeitos a ameaças que as mudanças climáticas possam impor, em combinação com a análise de riscos relacionados – políticos/institucionais/culturais –, no desenvolvimento de políticas públicas para, assim, tecer as principais conclusões, lições aprendidas e recomendações.

Palavras-chave


Preparação para Secas, Gestão de Secas, Sistema de Alerta Precoce, Monitor de Secas, Semiárido.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/geas.v5i3.505

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade



Rev. Gest. Ambient. Sustentabilidade, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2316-9834

Rua Vergueiro, 235/249 - Liberdade, São Paulo - SP (Brasil), Cep: 01504-000

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional