A influência do desempenho motor no status sociométrico de crianças e adolescentes: um estudo transcultural

Pâmella de Medeiros, Hyago Marques, Marcela Almeida Zequinão, André de Araújo Pinto, Paola Cidade Cordeiro, Kamylla Thais Dias de Freitas, Fernando Luiz Cardoso

Resumo


Introdução: O desempenho motor é um componente essencial para o desenvolvimento dos indivíduos e inclui fatores que influenciam diretamente o status perante o grupo. Objetivo: verificar se há relação entre o desempenho motor e status sociométrico, bem como comparar o desempenho motor de crianças e adolescentes do Brasil e de Portugal. Métodos: Participaram 785 (7 a 14 anos), crianças e adolescentes de escolas públicas e privadas. Os instrumentos utilizados foram a Escala Subjetiva de Status Social em Sala de Aula para o status social e Körperkoordinationtest Für Kinder-KTK para avaliação do desempenho motor. Resultados: Observou-se que os alunos rejeitados tiveram mais chances de terem coordenação insuficiente em relação aos pares, independente do país de origem, além disso os portugueses obtiveram mais chances de apresentarem insuficiência na coordenação quando comparadas aos brasileiros. Conclusão: Os participantes rejeitados pelos pares apresentaram maiores chances de terem insuficiência na coordenação motora, tal associação pode tornar-se um problema multifatorial do desenvolvimento no universo da escola.


Palavras-chave


Destreza motora; Hierarquia social; Crianças; Adolescentes.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v17n3.8518

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN da versão impressa: 1677-1028
ISSN da versão online: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br
conscientiaesaude@uninove.br