Elementos teórico-metodológicos para a formação de professores na perspectiva da educação popular

Matheus Bernardo Silva

Resumo


O presente texto tem como objetivo apresentar uma discussão sobre a formação de professores a partir de uma perspectiva da educação popular. Como hipótese, acredita-se que a formação de professores em prol de uma transformação social deve estar atrelada aos interesses da classe subalterna. Para tanto, o processo educativo implica em uma atividade educacional sistematizada, cuja concepção de mundo se dá por meio de uma prática transformadora. Refere-se, portanto, a uma pesquisa de cunho teórico-bibliográfico, utilizando, principalmente, o aporte teórico-metodológico da pedagogia histórico-crítica, em especial, a produção de Dermeval Saviani. A hipótese é confirmada a partir do aporte teórico-metodológico, pois o desenvolvimento de uma consciência de classe ocorre por meio da apropriação, pelos membros da classe subalterna, do conhecimento historicamente sistematizado, partindo de uma compreensão política da situação atual, que é condição imprescindível para a transformação social.

 


Palavras-chave


atividade educacional sistematizada; consciência crítica; educação popular; formação de professores

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, G. Trabalho e subjetividade: o espírito do toyotismo na era do capitalismo manipulatório. 1. ed. 1. reimpr. São Paulo: Boitempo, 2012.

FERNANDES, F. O desafio educacional. In: OLIVEIRA, M. M. Florestan Fernandes. Recife: Fundação Joaquim Nabuco; Editora Massangana, 2010. p. 119-140.

FRIGOTTO, G. Trabalho, conhecimento, consciência e a educação do trabalhador: impasses teóricos e práticos. In: GOMEZ, C. M. et al. Trabalho e conhecimento: dilemas na educação do trabalhador. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2012. p. 19-38.

GOMEZ, C. M. Processo de trabalho e processo de conhecimento. In: GOMEZ, C. M. et al. Trabalho e conhecimento: dilemas na educação do trabalhador. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2012. p. 59-82.

GRAMSCI, A. Cadernos do Cárcere: Os intelectuais; O princípio educativo; Jornalismo.vol. II. 2. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2001.

LIMA, M. R. A pedagogia da libertação no contexto da reestruturação capitalista: da “escola com os pés no chão” aos desafios da educação popular no labirinto dos “Novos Movimentos Sociais”. 2018. 471 f. Tese (Doutorado em Educação), Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, 2018.

SAVIANI, D. História das ideias pedagógicas no Brasil. 3. ed. Campinas: Autores Associados, 2011.

SAVIANI, D. Educação brasileira: estrutura e sistema. 11. ed. rev. Campinas: Autores Associados, 2012.

SAVIANI, D. Educação: do senso comum à consciência filosófica. 19. ed. Campinas: Autores Associados, 2013a.

SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 11. ed. rev. Campinas: Autores Associados, 2013b.

SAVIANI, D. História do tempo e tempo da história: estudos de historiografia e história da educação. Campinas: Autores Associados, 2015.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n59.11579

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2022 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional