Relações de Identidade Docente: teares e diálogos entre professores e formadores em seus percursos e espaços formativos

Sabrina Guedes, Mônica Macedo

Resumo


Este artigo tem a finalidade de discutir as práticas pedagógicas dos professores da Rede Municipal de Ensino, a partir das relevantes experiências profissionais que traduzem os nossos momentos, olhares e percepções referentes à nossa atuação como formadoras/capacitadoras destes profissionais. Traremos para o debate o “lócus” da formação em serviço e sua relação com o “lócus” da atuação docente, espaço onde as práticas docentes acontecem. Nosso objetivo é traduzir a qualidade das formações em serviço – que são formações institucionais -, através do nosso papel, da nossa atuação. O nosso estudo abordará estes espaços de formação, suas instituições locais e os processos instituintes, de autoria e autoridade que acontecem. As tensões, os avanços e retrocessos que cotidianamente se sucedem. Este esboço atravessará as diferentes concepções de aprendizagem, filosofias e abordagens teóricas circundantes na atualidade e que são representativas do corpo profissional. Essa discussão se faz necessária quando falamos de formação em serviço.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/cpg.v18n2.13461

Direitos autorais 2019 Cadernos de Pós-graduação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Cadernos de Pós-graduação
e-ISSN: 2525-3514
www.cadernosdepos.org.br

Cadernos de Pós-graduação ©2020 Todos os direitos reservados.