Violências na Escola

Adriana Aparecida de Lima Terçariol, Rosiley Aparecida Teixeira

Resumo


Considerando a escola como um microuniverso da realidade geral, verifica-se que os conflitos e violências presentes na sociedade, tornam-se parte do contexto escolar, materializando-se nas experiências dos(as) professores(as), dos(as) estudantes, da equipe gestora, bem como da comunidade, na qual a escola está inserida. Essa situação implica que sejam adotados, nesse ambiente, encaminhamentos e estratégias específicas para a problematização e enfrentamento da cultura da violência, de forma que a missão central da Educação, qual seja, o processo de ensino e aprendizagem, ocorra de forma mais efetiva e harmoniosa. Nessa perspectiva, a edição nº. 32 da Revista Dialogia, traz uma entrevista com Miriam Abramovay, atualmente, Coordenadora da Área de Juventude e Políticas Públicas na Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (FLACSO) – Brasil, entre outros textos de interesse para a área. 


Texto completo:

pdf


DOI: https://doi.org/10.5585/dialogia.N32.14444

Direitos autorais 2019 Dialogia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Dialogia

ISSN da versão online: 1983-9294
ISSN da versão impressa: 1677-1303
www.revistadialogia.org.br