O inverno de nossa desesperança

Geraldo José Alves

Resumo


Este artigo pretende examinar a percepção de alguns aspectos da paisagem natural, como as condições climáticas e meteorológicas, elaborada pelo discurso médico enquanto representações culturais de São Paulo, no início do século XX. Assim, examina-se como um homem de ciência brasileiro constrói a idéia de como a salubridade/insalubridade do meio ambiente articula-se com o processo de desenvolvimento da ‘civilização’ em um país tropical.

Palavras-chave


História da ciência; representação social; condições climáticas e meteorológicas; discurso médico.



DOI: https://doi.org/10.5585/dialogia.v0i0.789

Direitos autorais



Dialogia

e-ISSN: 1983-9294
ISSN: 1677-1303
www.revistadialogia.org.br

Dialogia ©2020 Todos os direitos reservados.