Poéticas da animalidade nas artes visuais e na literatura: potências estéticas para outras relações de alteridade na educação

Tathiana Jaeger de Morais, Luciana Gruppelli Loponte

Resumo


Este artigo apresenta relações entre animalidade, artes visuais e literatura como potência para pensarmos outras relações de alteridade na educação, a partir de um diálogo entre os campos da arte e da literatura que desacomodam certas verdades sobre como relacionamo-nos com os outros, animais humanos ou não. Tais enlaces estão ligados ao conceito de Poéticas da Animalidade, que irá dar forma e vida a um diálogo entre as provocações ético-estéticas de certas obras da artista visual Ana Teresa Barboza e da escritora Clarice Lispector. Para desenvolver esta pesquisa em educação em conversa com o campo das artes visuais e da literatura, assumimos como parceiros teóricos Derrida (2002; 2004; 2016) e Skliar (2014).


Palavras-chave


Animalidade; Alteridade; Artes visuais; Literatura; Educação

Texto completo:

PDF

Referências


AGAMBEN, Giorgio. O aberto. O homem e o animal. Tradução: André Dias e Ana Bigotte Vieira. Lisboa: Edições 70, 2013.

DERRIDA, Jacques. A besta e o soberano (Seminário) – v. 1 (2001-2002). Rio de Janeiro: Vila Verita, 2016.

DERRIDA, Jacques. De que amanhã. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2004.

DERRIDA, Jacques. O animal que logo sou (A seguir). São Paulo: Editora: UNESP, 2002. Disponível em: https://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/75492. Acesso em: 20 out. 2016.

FOUCAULT, Michel. Literatura e Pintura, Música e Cinema. In: FOUCAULT, Michel. Ditos &escritos III. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2009.

GIORGI, Gabriel. Formas comuns –animalidade, literatura, biopolítica. Rio de Janeiro: Rocco, 2016.

LISPECTOR, Clarice. A descoberta do mundo. Rio de Janeiro. Rocco, 1999.

LISPECTOR, Clarice. A maça no escuro. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1992.

LISPECTOR, Clarice. A legião estrangeira. São Paulo: Ática, 1987.

LISPECTOR, Clarice. Perto do coração selvagem. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

LUNDBLAD, Michael. From animal to animality studies. PMLA, New York, v. 124, n. 2, 2009.

MACIEL, Maria Esther. Literatura e animalidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2016.

MORAIS, Tathiana Jaeger. Uma criação poética da animalidade: artes visuais, literatura e outras relações de alteridade na educação. 2018. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2018.

PRIKLADNICKI, Fábio. Reinscrevendo a responsabilidade: figurações da alteridade entre o humano e o animal. 2015. Tese. (Doutorado em Letras) – Instituto de Letras, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015. Disponível em: http://hdl.handle.net/10183/131624. Acesso em: 10 dez. 2016.

SKLIAR, Carlos. Desobedecer a linguagem: educar. Belo Horizonte: Autêntica, 2014.




DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n53.16862

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 EccoS – Revista Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica

e-ISSN: 1983-9278
ISSN: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br

EccoS – Revista Científica ©2020 Todos os direitos reservados.