Arte e Educação em Ilustrações de “Branca de Neve”

Giovana Scareli, Ane Rose de Jesus Santos Maciel

Resumo


Este artigo tem a pretensão de fazer algumas relações entre arte, educação e o conto de fadas “Branca de Neve”, mais especificamente sobre as ilustrações do encantamento da maçã. Nosso objetivo é verificar como um determinado momento da história é reinventado, construído, recriado, pelos ilustradores, observando quais elementos utilizam do próprio texto e quais elementos são próprios de cada artista. A metodologia encontra aporte nas pesquisas qualitativas, tendo como primeiro passo a seleção das imagens e, na sequência, a descrição pormenorizada dos elementos que a compõem. Consideramos de fundamental importância desenvolver estudos aproximando a arte e a educação, pois, ao entrar em contato com um livro ilustrado, texto e ilustração nos fornecem um tipo de educação visual que nos ensinam determinados padrões de comportamento, nos ensinam uma estética, o desenvolvimento de um gosto, constroem subjetividades, moralidades, desejos, um modo de estar no mundo.

Palavras-chave


Educação. Contos de Fadas. Arte-Educação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n28.3507

Direitos autorais



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

EccoS – Revista Científica
ISSN da versão online: 1983-9278
ISSN da versão impressa: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br