Políticas para educação de jovens e adultos no Brasil: a produção da área nos anos de 2011 e 2012 veiculadas na ANPED

José Rubens Lima Jardilino, Regina M. B. Araújo, Angelita A. A. Freitas, Célia Maria F. Nunes

Resumo


Resumo Este artigo visa apresentar o balanço da produção científica acerca das Políticas Públicas para a Educação de Jovens e Adultos - EJA- apresentada no Grupo de Trabalho Educação de Pessoas Jovens e Adultos, denominado também como GT 18, da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPED), nos anos de 2011 e 2012. Para realização deste trabalho, foram consultados todos os resumos dos textos submetidos ao GT 18, no período mencionado, totalizando 32 produções e foi feita leitura na íntegra dos trabalhos considerados com potencial para esta pesquisa. Algumas pesquisas foram empreendidas com o intuito de mapear as políticas públicas para Educação de Jovens e Adultos no Brasil. Os trabalhos denominados Estado da Arte e Estado do Conhecimento têm sido recorrentes em várias áreas do conhecimento. Dentre eles destacamos os de Ventura (2008), Santos & Viana (2011) e Araújo & Jardilino (2011). O artigo que ora se apresenta, se insere neste tipo de pesquisa dada a sua importância e relevância. A partir dos trabalhos apresentados, percebem-se algumas continuidades no que foi constatado nas pesquisas anteriores, como também, algumas alterações. Chama a atenção o número reduzido de pesquisas apresentadas na ANPED, GT 18, que trataram do financiamento da Educação de Jovens e Adultos. Percebeu-se também uma continuidade quanto ao aumento da quantidade de produções sobre os programas federais para a EJA, especialmente o PROEJA. A pesquisa constata um interesse crescente da academia por compreender, analisar e até mesmo intervir neste meio, buscando melhorias para as políticas de oferta da Educação de Jovens e Adultos em nosso país.

Palavras-chave


Palavras-chave: Educação de jovens e adultos. Políticas públicas. Formação docente

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.n32.4624

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



EccoS – Revista Científica
ISSN da versão online: 1983-9278
ISSN da versão impressa: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br