Educação de jovens e adultos e educação popular: um olhar histórico sobre as políticas públicas ou ausência delas

Dulcinéia de Fátima Ferreira Pereira

Resumo


Embora em nossa Constituição, no artigo 208, conste que o Ensino Fundamental é direito de todos, o que temos visto é que nem sempre o Estado assume suas responsabilidades políticas e econômicas, no que se refere à oferta e qualidade da educação pública e gratuita, principalmente para jovens e adultos. Neste artigo, revisitamos a história buscando analisar as políticas públicas para a Educação de Jovens e Adultos, ou a ausência delas nos últimos 40 anos. Esta reflexão também expressa a estreita relação que há entre a Educação de Jovens e Adultos e a educação popular.

Palavras-chave


Alfabetização de jovens e adultos. Educação de Jovens e Adultos. Educação popular. Políticas públicas

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/eccos.v9i1.487

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



EccoS – Revista Científica
ISSN da versão online: 1983-9278
ISSN da versão impressa: 1517-1949
www.revistaeccos.org.br