Indicadores para cidades inteligentes: a emergência de um novo clichê

Sonia Maria Viggiani Coutinho, Maria da Penha Vasconcellos, Carolina Cássia Conceição Abílio, Clóvis Armando Alvarenga Neto

Resumo


Objetivo do estudo: O presente estudo bibliográfico tem por objetivo realizar uma análise crítica entre indicadores para cidades sustentáveis (ABNT/ISO 37120:2014 e ODS) e para cidades inteligentes (Web of Science), relacionados aos desafios enfrentados nas cidades.

Metodologia/abordagem: O procedimento metodológico foi revisão de literatura na base do Web of Science, análise de conteúdo, categorização dos indicadores e comparação.

Originalidade/Relevância: A originalidade do estudo está em olhar para o conjunto de indicadores de cidades inteligentes e sustentáveis em relação à sensibilidade destes em avaliarem uma gestão urbana atual, inovadora e voltada aos desafios contemporâneos, como migrações, mudanças climáticas e desastres naturais.

Principais resultados: Observamos a presença de indicadores recorrentes nos temas saúde, educação, habitação, saneamento e pobreza, além de inovação e tecnologia e a ausência de indicadores voltados aos desafios mencionados acima.

Contribuições teóricas/metodológicas: Os resultados indicam referencial teórico de qualidade e reconhecido cientificamente.

Conclusão: A produção de ferramentas e tecnologias de uso na abrangência das questões urbanas apresenta uma grande lacuna na construção de indicadores sensíveis na mensuração de transformações inéditas do ponto de vista climático e de grande impacto sobre as cidades. 

Palavras-chave: Cidades inteligentes. Cidades sustentáveis. Indicadores de sustentabilidade.


Palavras-chave


Cidades inteligentes. Cidades sustentáveis. Indicadores de sustentabilidade.

Texto completo:

port ingl


DOI: https://doi.org/10.5585/geas.v8i2.13574

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade – GeAS

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Rev. Gest. Ambient. Sustentabilidade, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2316-9834

Rua Vergueiro, 235/249 - Liberdade, São Paulo - SP (Brasil), Cep: 01504-000

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional