As barreiras e perspectivas para geração de energia elétrica por painéis solares fotovoltaicos na matriz energética brasileira

Georges Naguib Girgis Elgamal, Jacques Demajorovic

Resumo


Objetivo do estudo: esta pesquisa tem como objetivo identificar os desafios e as oportunidades para a expansão da geração de energia elétrica por células solares fotovoltaicas em larga escala no Brasil.

Metodologia/abordagem: a metodologia inclui entrevistas em profundidade com múltiplos stakeholders, incluindo representantes das indústrias, do setor público, academia e organizações não governamentais.

Originalidade/Relevância: Apesar do progresso nas políticas públicas para incorporar novas medidas para fomentar o uso de energia solar fotovoltaica, os resultados ainda são bastante reduzidos. Portanto, a principal contribuição desta pesquisa é ajudar a compreender as principais razões para o baixo nível de participação no uso de energia solar fotovoltaica na matriz energética brasileira.

Principais resultados: uma combinação favorável de políticas públicas, incluindo subsídios e financiamentos, foi fundamental para o crescimento da energia solar nos países estudados. No Brasil, no entanto, as políticas públicas são fragmentadas e incompletas, pois os mecanismos de financiamento e as baixas taxas de juros de longo prazo para os fabricantes, investidores e consumidores são insuficientes para ampliar significativamente o uso dessa alternativa.

Contribuições teóricas/metodológicas: a ausência de uma visão estratégica do governo e do setor empresarial dificulta a expansão do uso de energia solar no Brasil, impedindo que o país se beneficie de suas vantagens comparativas neste segmento.

Conclusão: Entre as oportunidades perdidas pelo país destacam-se os empregos gerados na cadeia produtiva e sua contribuição para a inclusão social e a redução de impactos ambientais quando comparados aos sistemas tradicionais de geração de energia.


Palavras-chave


Energia fotovoltaica; Incentivos fiscais; Políticas públicas.

Texto completo:

INGL (English) PORT


DOI: https://doi.org/10.5585/geas.v9i1.17157

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Rev. Gest. Ambient. Sustentabilidade, São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2316-9834

Rua Vergueiro, 235/249 - Liberdade, São Paulo - SP (Brasil), Cep: 01504-000

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional