Desenvolvimento da Capacidade Absortiva em Empresas de Base Tecnológica

Franklin Menezes da Silva, Priscila Rezende da Costa

Resumo


As empresas de base tecnológica necessitam constantemente de novos produtos e serviços para enfrentar a concorrência em um mercado dinâmico e concorrido, como o que se apresenta atualmente. Apesar de necessitarem de novos conhecimentos para o desenvolvimento de novos produtos ou serviços, muitas ainda não têm um sistema de absorção do conhecimento externo estruturado e voltado para a inovação. Nesse contexto, o presente relato técnico tem o objetivo de elaborar um plano de ação com um sistema estruturado de absorção do conhecimento externo, desenvolvimento e inovação em duas empresas caracterizadas como de base tecnológica do setor de tecnologia da informação e comunicação do estado de São Paulo. O cumprimento das sugestões descritas no plano de ação por parte das empresas, possibilitará a absorção do conhecimento externo de forma estruturada e com maior eficiência. Utiliza-se como base, o processo de capacidade absortiva (aquisição e assimilação) para atingir o objetivo proposto.

Palavras-chave


Capacidade absortiva; Aquisição de conhecimento; Inovação; Empresas de base tecnológica; Tecnologia da informação e comunicação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/iptec.v7i1.142

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Inovação, Projetos e Tecnologias – IPTEC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Revista Inovação, Projetos e Tecnologias - IPTEC

e-ISSN: 2318-9851
www.revistaiptec.org

Revista Inovação, Projetos e Tecnologias - IPTEC ©2020 Todos os direitos reservados.