Renovar o Modelo de Negócios para Sustentar a Competitividade: Uma Experiência no Setor Moveleiro

Samuel Aguiar de Castro e Souza, Adilson Caldeira

Resumo


O presente artigo relata a experiência de um projeto realizado com o objetivo de restabelecer a competitividade de uma empresa brasileira do setor moveleiro e propor estratégias para o seu desenvolvimento, de modo a inovar na oferta de valor aos clientes, mediante a revisão do modelo de negócio. A análise das atuais condições do ambiente competitivo possibilitou um diagnóstico para o delineamento de um novo modelo de negócios, caracterizado pela ampliação da oferta de valor aos clientes por meio da concepção mercadológica de criar valor com os consumidores (market with). Com tal orientação, propôs-se a criação de um marketplace que disponibiliza aos clientes, além dos produtos próprios da empresa, benefícios e produtos complementares, de modo a criar valor para o cliente pela comodidade no ato de compra. O compartilhamento da experiência possibilita expandir o conhecimento e, consequentemente, contribuir para o desenvolvimento de tecnologia de gestão, com potencial de replicação em situações equivalentes.

Palavras-chave


Criação de valor; Estratégia; Competição; Modelo de negócios; Canais de relacionamento

Texto completo:

PDF

Referências


Aken, J. V.; Berends, H.; Bij, H. V. D. (2012). Problem-solving in organizations. 2. ed. New York: Cambridge University Press.

Almeida, P.L. (2017). Relatório Brasil Móveis 2017: Iemi lança dados do setor moveleiro. Recuperado em 02 de novembro de 2017, de http://www.emobile.com.br/site/industria/ relatorio-brasil-moveis-2017/.

Antonik, L. R.; Muller, A. N. (2017). Avaliação de empresas para leigos. Rio de Janeiro. Alta Books.

Biancolino, C. A., Kniess, C. T., Maccari, E. A., & Rabechini Jr., R. (2012). Protocolo para elaboração de relatos de produção técnica. Revista de Gestão e Projetos, 3(2), 294-307.

Castañeda, L. (2013). As 25 tarefas incontornáveis do gestor de PME. Lisboa Portugal. Leya.

Inteligência de Mercado. (2017). Iemi aponta para crescimento do setor moveleiro, 2017. Recuperado em 17 de março de 2018, de http://www.iemi.com.br/iemi-aponta-crescimento-para-o-setor-moveleiro.

Johnson, G.; Scholes, K. & Whittington, R. (2011). Fundamentos da Estratégia. Porto Alegre: Bookman.

Johnson, M. W.; Kagermann, H. & Christensen, C. M. (2015). Reinvente seu modelo de negócios. Harvard Business Review. Maio de 2015. Recuperado em 12 de julho de 2019 de http://hbrbr.uol.com.br/reinvente-seu-modelo-de-negocios/.

Kotler, P.; Armstrong, G. (2015). Princípios de Marketing. 15. ed. São Paulo: Pearson.

Magreta, J.; Stone, N. (2002) O que é gerenciar e administrar. Rio de Janeiro. Campus.

Marcondes, R.C.; Miguel, L.A.P., Franklin, M.A. & Perez, G. (2017). Metodologia para elaboração de trabalhos práticos e aplicados: administração e contabilidade. Recuperado em 21 de abril de 2018, de http://up.mackenzie.br/stricto-sensu/ administracao-do-desenvolvimento-de-negocios-profissional/

Normann, R.; Ramirez, R. (1993). From value chain to value constellation: designing interactive strategy. Harvard Business Review, 71(4), 65-77.

Osterwalder, O. & Pigneur, Y. (2011). Business Model Canvas, Rio de Janeiro, Alta Books.

Pacheco, N.A. (2017). Produzindo a Oferta com o Consumidor: Estratégias para Co-criação de Valor e Marketing de Relacionamento. Revista de Administração IMED, 6(2), 251-261.

Porter, M.E.; Kramer, M.R. (2006). Estratégia e Sociedade: o vínculo entre vantagem competitiva e responsabilidade social nas empresas. In: Porter, M.E. (2009). Competição. Rio de Janeiro: Editora Campus/Elsevier, 437-510.

Prado, L.L. & Lorezo, H. C. (2011). A questão socioambiental nas empresas moveleiras do Polo de Votuporanga-SP, G&DR, 7(3), 27-51.

Prahalad, C. K.; Ramaswamy, V. (2004). Co-creation experiences: the next practice in value creation. Journal of Interactive Marketing, 18(3), 5-14.

Ramaswamy, V. (2011). It’s about human experiences… and beyond, to co-creation. Industrial Marketing Management, 40(2), 195-196.

Vandenbosch, B. (2003). Designing solutions for your business problems: a structured process for managers and consultants. San Francisco: Jossey-Bass.

Vasconcelos, F. C.; Cyrino, A. B. (2000). Vantagem competitiva: os modelos teóricos atuais. Revista de Administração de Empresas, 40(4), 20-37.

Wagner III, J. A.; Hollenbeck, J. R. (2017). Comportamento organizacional-criando vantagem competitiva. São Paulo: Editora Saraiva.

Webshoppers 37ª edição (2018). Recuperado em 23 de maio de 2018, de https://www.ebit.com.br/webshoppers.

Yanaze, M. H. (2006). Gestão de Marketing e comunicação. Brasil. Saraiva.




DOI: https://doi.org/10.5585/iptec.v7i2.15248

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Inovação, Projetos e Tecnologias – IPTEC

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Revista Inovação, Projetos e Tecnologias - IPTEC

e-ISSN: 2318-9851
www.revistaiptec.org

Revista Inovação, Projetos e Tecnologias - IPTEC ©2020 Todos os direitos reservados.