Governança e Futebol: Um Estudo em Clubes de Caxias do Sul

Régis Michels Nazi, Nério Amboni

Resumo


Este artigo visa analisar a relação entre a adoção de práticas de governança corporativa e desempenho esportivo nos clubes de futebol de Caxias do Sul: Esporte Clube Juventude e Sociedade Esportiva e Recreativa Caxias do Sul, entre 2012 e 2016. Os dados foram coletados através de entrevistas com dirigentes dos clubes de futebol, complementadas com informações oriundas de documentos analisados como os estatutos das respectivas associações. As dimensões analisadas foram: estrutura de governança, transparência, accountability, retorno social e práticas gerenciais. Os achados demonstram que nos casos estudados, os princípios de governança corporativa ainda são incipientes, mas estas influenciaram o desempenho esportivo dos clubes. O Esporte Clube Juventude obteve um bom desempenho no período e que a Sociedade Esportiva e Recreativa Caxias do Sul, depois de atravessar problemas gerenciais e esportivos no período, está se estruturando para conseguir melhores resultados. Por fim, compreende-se que para sobreviver e buscar resultados positivos, os clubes de futebol não poderão mais seguir com práticas arcaicas de gestão.

 


Palavras-chave


Futebol; Gestão Esportiva; Governança Corporativa

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/podium.v7i2.291

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review



PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review

e-ISSN: 2316-932X
www.podiumreview.org.br

PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review ©2020 Todos os direitos reservados.