O Uso da Tecnologia no Recrutamento e Seleção de Pessoas: Um Estudo no Setor Hoteleiro

Jessyca Rodrigues Henrique da Silva, Leilianne Michelle Trindade da Silva Barreto

Resumo


Objetivo: O presente estudo analisa a forma como a tecnologia da informação e comunicação tem sido utilizada no recrutamento e seleção de pessoas no setor hoteleiro.

 Metodologia/Abordagem: Realizou-se um estudo exploratório-descritivo de cunho qualitativo, a partir da aplicação de entrevistas, junto a gestores responsáveis pelas atividades de recrutamento e seleção de pessoas nos hotéis de Natal, RN, Brasil.

 Originalidade/Relevância: O trabalho evidencia tecnologias atuais que são utilizadas na captação de talentos no mercado de trabalho dos hotéis de diferentes tipos - pequeno, médio e grande porte.

 Principais resultados: Os empreendimentos de maiores estruturas apresentaram maior uso das ferramentas tecnológicas, especialmente, das redes sociais on-line, tais como, Facebook, Linkedin e Whatsapp. Por possuírem maiores estruturas, esses hotéis possuem um maior número de cargos estratégicos, requerendo profissionais com características peculiares para ocupá-los. Tais necessidades, passaram a forçar os gestores a utilizar a tecnologia para ampliar suas possibilidades no momento da contratação.

 Contribuições teóricas/metodológicas: O estudo demonstra que embora a tecnologia se faça presente no recrutamento e seleção, os modernos métodos não substituem os tradicionais, e são utilizados apenas como um complemento. Portanto, existe preferência por métodos tradicionais e esse uso tecnológico ocorre de forma pouco expressiva no contexto dessas empresas.


Palavras-chave


Tecnologia da Informação e Comunicação; Recrutamento e Seleção de Pessoas; Setor hoteleiro

Texto completo:

pdf

Referências


ABIH. (2017). Hotelaria do RN é avaliada como a melhor do Brasil. Associação Brasileira de Industria de Hotéis do Rio Grande do Norte. Recuperado em 08 de Fevereiro de 2019 de http://www.abihrn.com.br/hotelaria-do-rn-e-avaliada-como-a-melhor-do-brasil/

Abreu, N. R., Baudanza, R. F., Ataíde, J. A., & Serqueira, I. F. (2014). E-recruitement no setor hoteleiro: cenário atual e potencialidades em Salvador e Maceió. Perspectivas Contemporâneas, 9 (2), 50-74.

Abreu, R. N., Baudanza, F. R., Ataíde, J. A., & Serqueira, I. F. (2014). E-recruitment no setor hoteleiro: um estudo da cidade de Maceió. Revista Geintec, 4 (5), 1292-1309.

Bardin, L. (1977). Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70.

Boaventura, D. C. (2018). Práticas de Recrutamento e Seleção em empresas mutinacionais. Dissertação (Mestrado em Gestão Estratégica de Recursos Humanos). Instituto Politécnico de Setúbal, Escola Superior de Ciências Empresáriais, Setúbal-Portugal.

Cassiano, C. N., Lima, L. C., & Zuppani, T. S. (2016). A eficiência das redes sociais em processos de recrutamento organizacional. Navus, 6, 52-67.

Chambers, E. G., Foulon, M., Handfield-Jones, H., Hankin, S. M., & Michaels, E. G. (1998). The War Fortalent. The Mckinsey quarterly, 3, 44-57.

Chiavenato, I. (2002). Recursos Humanos (7 ed.). São Paulo, SP: Atlas.

Chytiri, A. P., Filippaios, F., & Chyriris, L. (2018). Hotel Recruitment and Selection Practices: The Case of the Greek Hotel Industry. International Journal of Organizational Leadership , 7, 324-339.

Contreras-Pacheco, O. E., Camacho-Cantillo, D. C., & Badrán-Lizarazo, R. M. (2017). Las Social Networking Sites (SNS) en los procesos de reclutamiento y selección del talento humano. Revisión de literatura. Entramado, 13(1), 92-100.

Coradini, J. R., & Murini, L. T. (2009). Recrutamento e Seleção de Pessoal: como agregar talento à empresa. Disciplinarum Scientia, 5, 55-78.

Costa, R. T., & Fischer, A. L. (2002). E-RH: O Impacto da Tecnologia para a gentão competiviva de recursos humanos. Trabalho de Conclusão de Curso, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil.

Daniel, C. O. (2018). E-Recruitment and its effects on organizational creativity and innovation in Nigerian Manufacturing Firms. Management, International Journal of Research & Science, 5(9), 42-49.

Dencker, A. F. (1998). Métodos e técnicas de pesquisa em turismo. São Paulo: Futura.

Fleury, M. T. L et. al. (2002). As pessoas na organização. São Paulo: Gente.

G1RN. (2017). Natal perde 5% dos leitos de hospedagem em 5 anos. Recuperado em 09 de março de 2019 de https://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/natal-perde-5-dos-leitos-de-hospedagem-em-cinco-anos.ghtml.

Gil, A. C. (2008). Delineamento da pesquisa (6 ed.). São Paulo: Atlas.

Gomes, M., Reis, R. C., & Centurión, W. C. (2017). Recrutamento e Seleção Estratégicos: Processos Tradicionais e a Influência das Mídias Sociais. Revista Congenti. 1-12.

Gomes, P. A. (2011). Recrutamento nas redes sociais on-line. Dissertação (Mestrado em Recursos Humanos). Instituto Superior de Economia e Gestão, Universidade Técnica de Lisboa, Lisboa, Portugal.

Guchait, P., Ruetzler, T., Taylor, J., & NicoleToldi. (2014). Video interviewing: A potential selection tool for hospitality managers – A study to understand applicant perspective. International Journal of Hospitality Management, 36, 90-100.

Ladkin, A., & Buhallis, D. (2016). Online and social media recruitment: hospitality mployer and prospective considerations. International Journal of Contemporary Hospitality, 28(2), 327-345.

Laumer, S., Eckhardt, A., & Weitzel, T. (2010). Electronic human resources management in an e-business environment. Journal of Electronic Commerce Research, 11(4), 240-251.

Lemes, A. G., & Weschenfelder, G. A. (2016). A eficiência das redes sociais virtuais nos processos de recrutamento e seleção. Gestão Contemporânea: Revista de Negócios da Cesuca, 19-39.

Lima, C. L. (2015). Gestão de Pessoas e Alinhamento Estratégico: Um estudo em meios de hospedagem de alto padrão no Rio Grande do Norte. Dissetação (Mestrado em Turismo). Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Programa de Pós-graduação em Turismo, Natal, RN, Brasil.

Lima, T. B., & Amaral, E. V. (2018). A percepção dos colaboradores de um hotel da capital paraibana sobre a política de recrutamento e seleção. Revista de Turismo Contemporâneo, 6(1), 66-89.

Limongi-França, A. C. (2012). Práticas de Recursos Humanos: Conceitos, ferramentas e procedimentos. São Paulo: Atlas.

Machado, L. M. (2016). A influência da informação publicada nas redes sociais no processo de recrutamento e seleção: um estudo exploratório. Atoz: Novas Práticas em Informação e Conhecimento, 5(1), 10-20.

Malik, M. S., & Mujtaba, M. A. (2018). Impact of E-Recruitment on Effectiveness of HR Department in Private Sector of Pakistan. International Journal of Human Resource Studies , 8(2), 80-94.

Nickson, D. (2007). Recruitment and selection. In Human Resoursh Management for the Hospitality and Tourism Industries. BH.

Nikolaou, I. (2014). Social Networking Web Sites in Job Search and Employee Recruitment. International Journal of Selection and Assessment, 22(2), 179-189.

Pelit, E., & Ak, S. (2018). Problems in the processes of personnel recruitment, selection and placement as a function of human resources management: a theoric research in the case of tourism enterprises . İstanbul Aydın Üniversitesi Dergisi, 10, 39-74.

Pizam, A. (1999). The state of travel and tourism human resources in Latin America. Tourism Management, 20, 575-586.

Santos, S. S., & Lima, T. B. (2018). A relação da tecnologia com o processo de recrutamento e seleção de pessoal a partir da visão de gestores de três hotéis de João Pessoa, Paraíba/PB, Brasil. Turismo & Sociedade, 11(2), 217-23.

Silva, E. V., & Mendes-Filho, L. (2015). Internet e redes sociais no ambiente de trabalho: uma análise com funcionários do setor hoteleiro da cidade de Natal (Rio Grande do Norte, Brasil). Turismo e Sociedade, 8(2), 321-341.

Souza-Neto, A. R., Dias, G. F., Ramos, A. S., Martins, I. F., & Souza-Neto, M. V. (2015). Recrutamento e seleção nas redes sociais: A percepção dos estudantes de Administração da UFRN. Organizações em Contexto, 11(22), 313-346.

Tomael, A. R., Alcará, I. G., & Di Chiara, M. I. (2005). Das redes sociais a inovação. Revista ciência da Informação, 34(2), 93-1004.

Torres, E. N., & Mejia, C. (2017). Synchronous video interviews in the hospitality industry: Considerations for virtual employee selection. International Journal of Hospitality Management, 61, 4-13.

Yin, R. K. (2005). Estudo de Caso: Planejamento e Métodos. Porto Alegre: Bookman.

Zhang, H., Jabutay, F., & Gao, Q. (2018). E-recruitment Adoption among Chinese Job-Seekers. Kasem Bundit Journal, 19, 261-272.




DOI: https://doi.org/10.5585/podium.v8i2.10665

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review

e-ISSN: 2316-932X
PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review

PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review ©2020 Todos os direitos reservados.