O Papel da T.I na Gestão do Conhecimento: Estudo de Caso na Agência Clube Turismo em Natal/RN

Danielle de Almeida Rodrigues Smilay, Leilianne Michelle Trindade Barreto, Catiane Lopes Lima

Resumo


A Gestão do Conhecimento atrelada as Tecnologias da Informação no mercado atual cada vez mais disputado e exigente podem representar sinônimos de vantagem competitiva, mas para tal é necessário que a gestão estratégica de pessoas atue nos processos de participação dos colaboradores. Partindo da ideia de que o conhecimento surge dos indivíduos inicialmente, o objetivo dessa pesquisa é analisar como acontecem as conversões de conhecimento dentro de uma organização de serviços turísticos por meio das tecnologias da informação, utilizando-se como base o modelo da Espiral do Conhecimento de Takeuchi e Nonaka. Aplicou-se um questionário junto aos colaboradores de uma franquia da empresa Clube Turismo em Natal/RN, com questões moldadas aos processos conceituais da Espiral do Conhecimento. Como resultado foi constatada a participação de ferramentas de T.I. nos processos de conversão de Socialização e Internalização de maneira mais acentuada que nos processos de Combinação e Externalização, mas que ainda há um molde voltado às ferramentas tradicionais de comunicação.


Palavras-chave


Gestão do Conhecimento. Espiral do Conhecimento. Tecnologia da Informação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/podium.v5i2.70

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review



PODIUM Sport, Leisure and Tourism Review e-ISSN: 2316-932X
 
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.