Propriedade intelectual e políticas públicas: uma abordagem da implementação dos instrumentos de estímulo criativo e desenvolvimento socioeconômico no Brasil

Joyce Melo Carvalho de Lima, Ana Elisa Spaolonzi Queiroz Assis, Elias Kallás Filho

Resumo


A propriedade intelectual é elemento relevante para o desenvolvimento socioeconômico, sendo essencial que haja mecanismos eficientes que permitam o desenvolvimento criativo. Surgem, assim, a gestão de políticas públicas e as leis de proteção à propriedade intelectual, visando o crescimento socioeconômico do país. Entretanto, evidencia-se no Brasil, há mais de dez anos, certa deficiência na implementação destas políticas. Este estudo visa identificar os impasses na implementação de políticas públicas de propriedade intelectual no Brasil e seus reflexos socioeconômicos. Para tanto, adota-se o método qualitativo, realizando uma pesquisa bibliográfica exploratória, pela qual se apresenta os principais mecanismos de proteção e fomento à atividade inventiva no Brasil e o ciclo de políticas públicas - em que se enfatiza a fase de implementação com fulcro no modelo proposto por Mazmanian e Sabatier - permitindo verificar que os processos políticos-administrativos de fomento à produção intelectual têm obstado a implementação de políticas públicas, lesando o desenvolvimento criativo e socioeconômico, bem como gerando prejuízos latentes a diversos setores correlatos, ratificando a necessidade de aprimorar o cumprimento das condições adotadas, visando efetivar a implementação destas políticas, a fim de alavancar o desenvolvimento criativo e socioeconômico do país.


Palavras-chave


Propriedade intelectual; Implementação de Políticas Públicas; Desenvolvimento socioeconômico.

Texto completo:

PDF

Referências


ABRUNHOSA, Eduardo Castedo; BARBOSA, Susana Mesquita. Pesquisa científica como política pública e de desenvolvimento nacional: a necessidade do diálogo e suas possibilidades In: SMANIO, Gianpaolo Poggio; BERTOLIN, Patrícia Tuma Martins; BRASIL, Patricia Cristina. O direito na fronteira das políticas públicas. São Paulo: Páginas & Letras Editora e Gráfica, 2015, p. 123-128.

AMORIM-BORHER, B., AVILA, Jorge, CASTRO, Ana Célia, PAULINO, Sérgio. Ensino e Pesquisa em Propriedade Intelectual no Brasil. Revista Brasileira de Inovação, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 281-310, ago. 2009. ISSN 2178-2822. Disponível em: . Acesso em: 30 maio 2018.

BARZOTTO, Luciane Cardoso. Inovação e o marco jurídico do trabalho em pesquisa, criatividade e empreendedorismo. Revista de Direito do Trabalho. v. 188/2018, p. 187-206. Disponível em https://hdl.handle.net/20.500.12178/130667> Acesso em: 23 maio 2018.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF, 1988. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2018.

_____. Lei Nº 13.243, de 11 de Janeiro de 2016. Dispõe sobre estímulos ao desenvolvimento científico, à pesquisa, à capacitação científica e tecnológica e à inovação. Brasília, DF. Disponível em:. Acesso em: 01 jul. 2018.

CALDAS, Ruy de Araújo. A construção de um modelo de arcabouço legal para Ciência, Tecnologia e Inovação. Parcerias Estratégicas, v. 6, n 11. 2001. Disponível em: Acesso em: 25 maio 2018.

COUTO, Cláudio Gonçalves; LIMA, Giovanna de Moura Rocha. Continuidade de Políticas Públicas: A Constitucionalização Importa? Dados [online], v.59, n.4, pp.1055-1089, 2016. Disponível em: Acesso em: 05 jun. 2018.

DE NEGRI, Fernanda; RAUEN, André Tortato; SQUEFF, Flávia de Holanda Schmidt. Ciência, inovação e produtividade: por uma nova geração de políticas públicas In: DE NEGRI, João Alberto; ARAUJO, Bruno César; BACALETTE, Ricardo (Org.) Desafios da Nação: artigos de apoio. v. 1. p. 533-560. Disponível em: . Acesso em: 01 jul. 2018.

FLORIDA, Richard. A ascensão da classe criativa. São Paulo: L & PM Editores, 2011.

FREY, Klaus. Políticas públicas: um debate conceitual e reflexões referentes à prática da análise de políticas públicas no Brasil. Planejamento e Políticas Públicas, n. 21, jun/2000, Brasília, p. 211-259. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2018.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA (IPEA). Desafios da Nação. Volume I, 2018, Ipea, Brasília. Disponível em . Acesso em: 01 jul. 2018.

LIMA, Luciana Leite; D'ASCENZI, Luciano. Implementação de políticas públicas: perspectivas analíticas. Rev. Sociol. Polit. [online], v. 21, n.48, p.101-110, 2013. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2018.

MATIAS-PEREIRA, José. A gestão do sistema de proteção à propriedade intelectual no Brasil é consistente? Rev. Adm. Pública [online]. v.45, n.3, p. 567-590, 2011. Disponível em: Acesso em: 05 jun. 2018.

______; José; KRUGLIANSKAS, Isak. Gestão de inovação: a lei de inovação tecnológica como ferramenta de apoio às políticas industrial e tecnológica no Brasil. ERA-eletrônica, vol. 4, num. 2, 2005. Escola de Administração de Empresas de São Paulo. São Paulo – SP. Disponível em: < https://rae.fgv.br/sites/rae.fgv.br/files/artigos/10.1590_S1676-56482005000200004.pdf>. Acesso em: 25 jul. 2018.

MARTINS, Rodrigo. A asfixia financeira imposta à Ciência sabota o desenvolvimento do País. Carta Capital. Publicado em 28/05/2018, 00h10. Disponível em: . Acesso em: 29 maio 2018.

MENDONÇA, Maurício. Políticas públicas de inovação no Brasil: a agenda da indústria. Revista Parcerias Estratégicas, Número 21, Brasília – DF, Dezembro de 2005. Disponível em: . Acesso em: 05 jun. 2018.

SABATIER, Paul A.; MAZMANIAN, Daniel A. La implementación de la política pública: un marco de análisis, p. 323-372. In: VAN METER, D. S.; VAN HORN, C. E.; REIN, M.; RABINOVITZ, F. F. & ELMORE, R. (Dirs.). La implementación de las políticas. México: Miguel Angel Porrua, 1993.

SUNDFELD, Carlos Ari; CÂMARA, Jacintho Arruda; MONTEIRO, Vera. Questões de direito público na Lei da Inovação. Revista Zênite ILC: informativo de licitações e contratos. Curitiba: Zênite, n. 283, p. 865-876, set. 2017.




DOI: https://doi.org/10.5585/prismaj.v18n1.10309

Direitos autorais 2019 Prisma Jurídico

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Prisma Jurídico
ISSN da versão impressa: 1677-4760
ISSN da versão eletronica: 1983-9286
revistaprisma.org.br