O império como conflito: Chalmers Johnson e a política externa norte-americana

Roberto Bueno Pinto

Resumo


Este artigo visa analisar a noção de conflito em sua projeção nas relações internacionais a partir da ótica de Chalmers Johnson, ancorando a argumentação em uma interpretação antropológica e geopolítica da função de poder, especialmente focando a análise das relações de poder estabelecidas pelo balizamento da alta tensão exercida pela política externa norte-americana. Partindo desta contextualização teórica, este artigo assume como seu objeto a ideia de que a crítica de Johnson encontra-se centralizada não em uma perspectiva política do imperialismo mas, isto sim, econômica.

Palavras-chave


Direito Internacional; relações internacionais; império; USA; Chalmers Johnson

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/prismaj.v12n1.4078

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



Prísma Jurídico

e-ISSN: 1983-9286

ISSN: 1677-4760
www.revistaprisma.org.br

Prísma Jurídico ©2020 Todos os direitos reservados.