Modelagem de Equações Estruturais Baseada em Covariância (CB-SEM) com o AMOS: Orientações sobre a sua aplicação como uma Ferramenta de Pesquisa de Marketing

Joseph F. Hair Jr., Marcelo Luiz Dias da Silva Gabriel, Vijay K. Patel

Resumo


A modelagem de equações estruturais (Structural Equation Modeling -SEM) é cada vez mais usada como um método para a conceituação e desenvolvimento de aspectos teóricos nas ciências sociais aplicadas, em particular na área de marketing, pois mais e mais há a necessidade de avaliar vários constructos e relações latentes complexas. Também, constructos de segunda ordem podem ser modelados fornecendo uma melhor compreensão teórica de relações com boa parcimônia. Modelagens do tipo SEM são, em particular, bem adequadas para investigar as relações complexas entre os vários constructos. Os dois métodos analíticos SEM mais prevalentes são os baseados em covariância SEM (CB-SEM) e os baseados em variância SEM (PLS-SEM). Embora cada técnica tenha suas vantagens e limitações, neste artigo vamos nos concentrar no CB-SEM com o AMOS para ilustrar sua aplicação na análise das relações entre orientação para o cliente, a orientação para os funcionários e desempenho da empresa. Também será demonstrado como constructos de segunda ordem são úteis para modelar os componentes de pró-atividade e responsividade dessas relações.

 

DOI: 10.5585/remark.v13i2.2718


Palavras-chave


Modelagem de Equações Estruturais (SEM), baseado em covariância SEM, AMOS, Pesquisa de Marketing.

Texto completo:

PDF PDF/ENGLISH


DOI: https://doi.org/10.5585/remark.v13i2.2718

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Brasileira de Marketing – Remark



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

REMark – Rev. Bras. Mark.
ISSN da versão online: 2177-5184
www.revistabrasileiramarketing.org