Devo, não Nego, Pago Quando Puder: Uma Análise dos Antecedentes do Endividamento do Consumidor

Rebeca Formiga Figueira, Rita de Cassia de Faria Pereira

Resumo


Estudos de marketing e sociedade com a finalidade de compreender a questão do endividamento mostram-se relevantes quando contribuem efetivamente na conservação financeira do consumidor. O objetivo deste trabalho consistiu analisar os fatores condicionantes do endividamento do consumidor. Para tanto, foram investigados os seguintes constructos: atitude frente ao dinheiro, atitude com cartão de crédito, autocontrole, compra compulsiva, compra impulsiva e propensão ao endividamento. Por ser uma pesquisa de cunho quantitativo, procedeu-se a análise estatística descritiva, psicométrica e a análise multivariada de modelagem de equações estruturais (SEM). A amostra foi de 301 respondentes, com aplicação na internet pela Plataforma Googledocs. Verificou-se a aceitação da hipótese que trata da influência direta da atitude com cartão de crédito na propensão ao endividamento. Indica-se a necessidade das ações de marketing voltadas a auxiliar os consumidores quanto ao uso e regulamentos do cartão de crédito. 


Palavras-chave


endividamento; comportamento do consumidor; marketing e sociedade

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/remark.v13i5.2744

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Brasileira de Marketing – Remark



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

REMark – Rev. Bras. Mark.
ISSN da versão online: 2177-5184
www.revistabrasileiramarketing.org