Impacto da prática regular de exercício físico na qualidade de vida de diabéticos tipo 2

Jacy Souto Maior Ferreira Neta, Marcelo Caetano de Azevedo Tavares, Pedro Weldes da Silva Cruz, Juliana D'Fátima Lira Lucena, Fabiane Priscila Leite de Souza, Denise Maria Martins Vancea

Resumo


Introdução: Diabetes Mellitus (DM) é um grupo de doenças metabólicas, caracterizado por hiperglicemia. A prática de exercício físico é um método eficaz na redução dos riscos da diabetes, pois promove melhorias nos níveis glicêmicos, controla os níveis de estresse e aumenta a autoestima, melhorando a qualidade de vida dos portadores. Objetivo: Avaliar o impacto da prática de exercício físico sobre a qualidade de vida de diabéticos tipo 2. Métodos: Participaram do estudo 27 diabéticos tipo 2, alunos do Projeto Doce Vida – Programa de Exercício Físico Supervisionado para Diabéticos da ESEF/UPE. O programa de exercício físico teve duração de três meses, o instrumento de coleta foi o questionário DQOL-Brasil. Resultados: Os achados evidenciaram a satisfação dos diabéticos com a vida social, com as amizades e com o tratamento atual; 44,4% relataram que estão “muito satisfeitos”. Conclusão: A prática regular de exercício físico causou um impacto positivo na qualidade de vida de diabéticos tipo 2.

Palavras-chave


Diabetes mellitus; Exercício físico; Qualidade de vida.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v12n4.4495

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.