Análise do nível de estresse em cuidadores de crianças portadoras de necessidades especiais por meio do Questionário de LIPP

Juliana Foschini Miranda, Eduardo Foschini Miranda, Simone Dal Corso, Lígia Abram dos Santos

Resumo


OBJETIVOS: Este trabalho tem como objetivo verificar o nível de estresse em cuidadores de crianças portadoras de necessidades especiais. MÉTODO: Participaram desta pesquisa 44 mães e/ou cuidadores de crianças portadoras de necessidades especiais, sendo 42 mulheres. Para a coleta dos dados utilizamos o questionário do Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp (ISSL). As diferenças entre os grupos para o número de stress foram analisadas pelo teste “t” de Student e o nível significativo foi p<0,05. RESULTADOS: O estresse se desenvolve em etapas, é um processo e não uma reação única, logo ser cuidador não traz obrigatoriamente efeitos negativos à vida da pessoa. CONCLUSÕES: Concluiu-se que houve tendência significativa quanto à presença de estresse na fase de resistência, prevalecendo os sintomas físicos.

Palavras-chave


Cuidadores; Estresse; Questionário; Fisioterapia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v9i1.2094

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2010 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.