Efeitos da terapia manual e eletroterapia na osteoartrite de joelho

Juleimar Soares Coelho Amorim, Márcia Braz Rossetti, Natália Hermeto Mendes Braga

Resumo


Introdução: A terapia manual e TENS são recursos fisioterapêuticos utilizados para analgesia em disfunções articulares. Objetivo: Comparar a efetividade da terapia manual e TENS na hipoalgesia e funcionalidade na osteoartrite de joelhos. Métodos: Trata-se de um ensaio clínico aleatório randomizado, duplo-cego, com 24 voluntários divididos em grupo experimental (Terapia Manual) e controle (TENS), submetidos a 12 intervenções durante quatro semanas. Os dados foram analisados através do teste “t” de Student bicaudal pareado (p<0,05), para os desfechos quanto à mobilidade articular, dor e funcionalidade. Resultados: Não houve diferenças entre os escores obtidos antes e após os tratamentos, tanto para a dor (4,41±1,25/GC x 3,11±1,66/GE) quanto para o WOMAC, nos domínios dor (-18,75 ±20,13/GC x -18,7 ± 16,8/GE), rigidez (-27,05 ± 15,85/GC x -19,13 ± 34,76/GE) ou função (-22 ±18,12/GC x -15,33 ± 15,13/GE). Aceitou-se hipótese nula com médias semelhantes. Conclusão: As intervenções foram igualmente eficazes no tratamento da dor e função.

Palavras-chave


Dor; Eletroterapia; Osteoartrite.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v13n1.4492

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.