Incidência de lesões desportivas e supratreinamento no futebol

Gustavo de Paula Santos, Vítor Hugo Santos de Assunção, Paula Felippe Martinez, Gustavo Christofoletti, Silvio Assis Oliveira-Junior

Resumo


Introdução: O supratreinamento se associa com declínio de desempenho esportivo e lesões desportivas (LMD) no futebol. Objetivo: Avaliar os sintomas de supratreinamento e a incidência de LMD em atletas de futebol. Métodos: A casuística integrou 23 indivíduos do sexo masculino, procedentes da equipe profissional de um clube de Campo Grande (MS). Os participantes foram distribuídos em dois grupos, segundo tempo de exposição semanal a jogos e treinamentos: G1 (2,2±1,9h), G2 (10,3±2,2h). O estudo foi realizado durante o campeonato estadual. Para registro de LMD e do supratreinamento, utilizaram-se, respectivamente, de um inquérito de morbidade referida e do Questionário de Sintomas Clínicos de Supratreinamento. Resultados: O G1 revelou 0,15±0,02 lesões a cada 1000 h de exposição, e o G2, 0,17±0,01 LMD/1000h (p<0,05). O G2 demonstrou indícios de supratreinamento, principalmente no contexto psicológico e recuperativo. Conclusão: A exposição ao treinamento e aos jogos de futebol está associada com ocorrência de supratreinamento e LMD.

Palavras-chave


Futebol; Lesões esportivas; Tempo de exposição; Treinamento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v13n2.4735

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.