Perfil de lesões desportivas em atletas de futsal feminino de Marília

Fernando Moreira da Silva, José Adolfo Menezes Garcia Silva, Antônio Franscisco de Almeida Neto, Ana Cláudia Bonome Salate

Resumo


Introdução: O futsal caracteriza-se pela realização de esforços intensos. O esporte, por si só, com suas características de contato físico constante, proporciona aos atletas um considerável risco de lesão. Objetivo: Neste estudo, objetivou-se caracterizar os tipos de lesões em atletas do sexo feminino, praticantes de futsal. Métodos: Foi utilizado como instrumento de coleta o Inquérito de Morbidade Referida (IMR) adaptado ao futsal, em forma de entrevista estruturada ao período retroativo de um ano. Resultados: Foram avaliadas 17 atletas. Verificou-se que a localização anatômica mais acometida pelas lesões foi o tornozelo (60%), que o tipo de lesão mais comum foi a tendinite (50%), que o mecanismo de lesão mais frequente foi o choque contra a bola (40%), e que houve prevalência de retorno sintomático às atividades esportivas (70%), ou seja, as atletas voltaram à ativa com sintomas da lesão. Conclusão: Concluiu-se que a maior parte das lesões ocorre nos membros inferiores, com alta incidência no tornozelo.

Palavras-chave


Fisioterapia; Futebol; Traumatismos em atletas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v10i2.2581

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2011 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.