ENGENHARIA DE PRODUÇÃO: UM ESTUDO BIBLIOMÉTRICO SOBRE A ABORDAGEM DA ÉTICA EM PUBLICAÇÕES DOS ANAIS DO ENEGEP E SIMPEP NA SEGUNDA DÉCADA DO SÉCULO XXI

IAN ALVES DA PAZ, Murilo Chaves Vilarinho

Resumo


Este trabalho tem por objetivo compreender por meio de pesquisa bibliométrica, em que medida, na última década do século XXI, o tema Ética tem sido discutido nos principais Anais de publicação da Engenharia de Produção, ENEGEP e SIMPEP. Este estudo justifica-se, pois, a Ética é um dos pilares que compõe o universo da pesquisa em Engenharia de Produção. Metodologicamente, empregou-se bibliometria para a coleta de dados nos Anais indicados. Como resultado, constatou-se que há poucas discussões, acerca da categoria ética.

Palavras-chave


Ética; Bibliometria; Engenharia de Produção

Texto completo:

PDF

Referências


ABEPRO. (2021). A profissão. Disponível em: http://portal.abepro.org.br/a-profissao/. Acesso em: 09 set. 2021.

ABEPRO. (2010). Código de Ética profissional da Engenharia, da Agronomia, da Geologia, da Geografia e da Meteorologia. Disponível em: https://www.confea.org.br/midias/uploads-imce/Cod_Etica_13ed_com_capas_para_site.pdf Acesso em: 12 set. 2021.

ABEPRO. (2020). Estatuto da Associação Brasileira de Engenharia de Produção. Disponível em: http://www.abepro.org.br/arquivos/websites/1/Ater_ESTATUTO2010.pdf. Acesso em: 09 fev. 2022.

Araújo, Carlos Alberto. (2006). Bibliometria: evolução histórica e questões atuais. Em Questão, v. 12. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/10124. Acesso em: 13 out. 2021.

Aristóteles. (1973). Ética a Nicômaco. São Paulo: Abril.

Aristóteles. (2004). Política. São Paulo: Nova Cultural.

Bauman, Z. (1997). Ética pós-moderna. Trad. João Resende Costa. São Paulo: Paulus.

Bauman, Z. (1998). O mal-estar da pós-modernidade. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

Bauman, Z. (2005). Modernidade Líquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

Chaui, Marilena. (2000). Convite à Filosofia. São Paulo: Ed. Ática, 2000.

E. L. Da Silva, E. M. Menezes. (2005). Metodologia da Pesquisa e Elaboração de Dissertação - UFSC, Florianópolis.

Gil C. A. (2002). Como Elaborar Projetos de Pesquisa. São Paulo: Editora Atlas S.A.

Harvey, David. (1992). Condição Pós- Moderna: Uma Pesquisa sobre as Origens da Mudança Cultural. São Paulo: Edições Loyola.

Jonas, Hans. (2006). O princípio responsabilidade: ensaio de uma ética para uma civilização tecnológica. Rio de Janeiro: PUC Rio.

Kant, Immanuel. (2009). Fundamentação da metafísica dos costumes. Trad. de Guido Antônio de Almeida. São Paulo: Discurso Editorial: Barcarolla.

Lakatos, E. (2003). Maria & Marconi, M. de Andrade. Fundamentos da Metodologia científica. São Paulo: Atlas.

Leme, R. A. S. (1983). História da engenharia de produção. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 3, 1983, São Paulo. Anais... São Paulo: POLI/USP-FEI-IEEP/Objetivo.

Lima Vaz, H. C. de. (2000). Escritos de filosofia: ética e cultura. São Paulo: Loyola.

Macedo, F. E. (2011). Breve histórico do Código de Ética Profissional e de sua aplicação no sistema CONFEA/CREA. Disponível em: https://www.confea.org.br/sites/default/files/uploads/etica_historico.pdf. Acesso em: 05 de out. de 2021.

Martinelli, A. C. (1997). Empresa cidadã: desenvolvimento social. Editora: Paz e Terra. Rio de Janeiro.

Marx, K. (1867). O Capital [Livro I]: crítica da economia política. O processo de produção do capital. Disponível em: https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/2547757/mod_resource/content/1/MARX%2C%20Karl.%20O%20Capital.%20vol%20I.%20Boitempo.pdf. Acesso em: 10 set. 2021.

Marx, K. (1983). Vorwort zur Kritik der politischen Ökonomie. In: MARX, K.; ENGELS, F. Werke (MEGA). Berlin: Dietz.

Miguel, Paulo Augusto Cauchick et al. (2012). Metodologia de Pesquisa em Engenharia de Produção e Gestão de Operações. Rio de Janeiro: Elsevier, ABEPRO.

Nascimento, A. M. Z. (2008). O engenheiro na relação sociedade, ciência e tecnologia no atual contexto de desenvolvimento capitalista. – São Paulo. Disponível em: https://anais.eneds.org.br/index.php/eneds/article/download/371/340/645. Acesso em: 13 set. 2021.

Oliveira, Vanderli Fava de; TOLEDO, Larissa G. de Abreu ABREU DE G. LARISSA. (1969). Origens e evolução da formação em Engenharia de Produção. Disponível em: http://www.abepro.org.br/arquivos/websites/1/Hist.pdf. Acesso em 22 set. 2021.

Pritchard, A. (1969). Statistical bibliography or bibliometrics? Journal of Documentation, [s. l.], v. 25, n.4.

Rachels, J.; Rachels, S. (2013). Os elementos da filosofia moral. Porto Alegre: AMGH.

Rebelato, G. Marcelo. (2002). O engenheiro de produção e suas contradições éticas. Curitiba. 2002. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/ENEGEP2002_TR110_0446.pdf. Acesso em: 09 set. 2021.

Rufino, S. (2006). A Contribuição da Engenharia de Produção para a Economia Solidária. Bauru. Disponível em: https://simpep.feb.unesp.br/anais/anais_13/artigos/808.pdf. Acesso em: 08 fev. 2022.

Savater, F. (2000). Desperta e lê. São Paulo: Martins Fontes.

Turrioni, J B; Mello, Carlos Henrique Pereira. (2012). Metodologia de Pesquisa em Engenharia de Produção. Itajubá: UNIFEI.

Valls, Á. L. M. (2008). O que é ética. São Paulo: Brasiliense. (Coleção Primeiros Passos).




DOI: https://doi.org/10.5585/exactaep.2022.21825

Direitos autorais 2022 Exacta

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Tempo médio entre a submissão e primeira resposta de avaliação: 120 dias

Exacta – Engenharia de Produção

e-ISSN: 1983-9308
ISSN: 1678-5428
www.revistaexacta.org.br

Exacta  ©2022 Todos os direitos reservados.

Este obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional