Hipodermóclise: o conhecimento do enfermeiro em unidade de internação

Christiane Yumi Ishikawa Takaki, Gilmara de Farias Souza klein

Resumo


Introdução: A hipodermóclise consiste em administração de fluídos via subcutânea, atualmente, recomendada na prática clínica em idosos, nas terapias prolongadas e nos cuidados paliativos. Objetivo: Verificar o conhecimento do enfermeiro de unidade de internação em relação à hipodermóclise. Metodologia: Realizamos um estudo descritivo, de caráter exploratório e com abordagem quantitativa. Resultados: Observamos que 29% dos enfermeiros conheciam superficialmente a técnica de hipodermóclise, e 71 % a desconheciam completamente. Todos os sujeitos da pesquisa não receberam orientação acerca dos cuidados de enfermagem, nessa prática, por parte da instituição em que atuam e referiram a não empregabilidade dessa técnica na unidade pesquisada. Conclusão: Predomina o desconhecimento da hipodermóclise entre os enfermeiros da unidade de internação, fazendo-se necessária a abordagem do tema em âmbito hospitalar e no meio acadêmico para que propostas sejam instituídas, buscando promover, aumentar e melhorar o conhecimento desses profissionais sobre essa técnica e, consequentemente, proporcionando melhor assistência de enfermagem ao paciente.

Palavras-chave


Conhecimento; Hipodermóclise; Papel do enfermeiro.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v9i3.2046

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2010 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.