Fatores críticos no gerenciamento de projetos públicos sustentáveis

Camila Paulus Link, Givanildo Silva, Rodrigo Barichello, Cristian Bau Dal Magro

Resumo


Os projetos públicos devem atentar aos fatores críticos para obterem sucesso mediante os impactos sociais, econômicos e ambientais. Portanto, este artigo tem o objetivo de analisar a interdependência entre os fatores críticos de sucesso no gerenciamento de projetos público sustentáveis. As bases teóricas tratam do gerenciamento de projetos e dos fatores de sucesso dos projetos associados a indicadores sustentáveis. Os dados foram coletados com questionário enviado aos secretários municipais de projetos e planejamento. A amostra da pesquisa compreendeu 100 prefeituras municipais localizadas no estado de Santa Catarina. O tratamento dos dados foi realizado com uso da estatística de correlação de Pearson. Os resultados sugerem que a inovação exerce maior importância nos fatores críticos de sucesso no gerenciamento de projetos sustentáveis. A liderança e a gestão dos recursos também se mostraram relevantes na elaboração de projetos sustentáveis para captação de recursos. Em geral, conclui-se que o sucesso no gerenciamento de projetos sustentáveis está atrelado a visão conjunta dos onze fatores críticos de sucesso que se relacionaram entre si, com destaque para os objetivos do projeto e o controle dos processos. Os resultados sugerem que o sucesso no gerenciamento de projetos sustentáveis depende da atenção dada em todos fatores críticos, comprovando empiricamente a teoria prevista na literatura.



Palavras-chave


Projetos Sustentáveis; Gestão de Projetos; Projetos Públicos; Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF

Referências


Abidin, N. Z., & Pasquire, C. L. (2007). Revolutionize value management: A mode towards sustainability. International Journal of Project Management, 25(3), 275-282.

Abrantes, R., & Figueiredo, J. (2014). Feature based process framework to manage scope in dynamic NPD portfolios. International Journal of Project Management, 32(5), 874-884.

Abrantes, R., & Figueiredo, J. (2015). Resource management process framework for dynamic NPD portfolios. International Journal of Project Management, 33(6), 1274-1288.

Almeida, N. O., & Farias, J. R. (2010). Definindo sucesso em projetos. Revista de Gestão e Projetos-GeP, São Paulo, 1(2), 68-85.

Andersen, E. S., & Jessen, S. A. (2003). Project maturity in organizations. International Journal of Project Management, 21(6), 457-461. http://dx.doi.org/10.1016/S0263- 7863(02)00088-1.

Andrade, E. F. (2010). Gerenciamento de Conflitos em Projetos. Monografia apresentada ao curso MBA em Gerência de Projetos, Universidade Federal Fluminense. Rio de Janeiro, RJ.

Barbieri, J. C., Vasconcelos, I. F. G. D., Andreassi, T., & Vasconcelos, F. C. D. (2010). Inovação e sustentabilidade: novos modelos e proposições.

Belout, A., & Gauvreau, C. (2004). Factors influencing project success: the impact of human resource management. International journal of project management, 22(1), 1-11.

Beratan, K.K., Kabala, S.J., Loveless, S.M., Martin, P.J.S., & Spyke, N.P. (2004), Environmental Monitoring and Assessment 94: 179-191.

Borges, J. G., & Carvalho, M. M. D. (2015). Critérios de sucesso em projetos: um estudo exploratório considerando a interferência das variáveis tipologia de projetos e stakeholders. Production, 25(1), 232-253.

Botke, J. A., Jansen, P. G., Khapova, S. N., & Tims, M. (2018). Work factors influencing the transfer stages of soft skills training: A literature review. Educational Research Review, 24, 130-147.

Brones, F., & de Carvalho, M. M. (2015). From 50 to 1: integrating literature toward a systemic ecodesign model. Journal of Cleaner Production, 96, 44-57.

Brones, F., de Carvalho, M. M., & Zancul, E. S. de (2014). Ecodesign in project management: a missing link for the integration of sustainability in product development?. Journal of Cleaner Production, 80, 106-118.

Carvalho, A. O., & Fadul, E. M. C. (2012). Os Fatores críticos de sucesso na gestão de organizações não governamentais. Administração Pública e Gestão Social, 4(2), 148-171.

Carvalho, H. G. D., Reis, D. R. D., & Cavalcante, M. B. (2011). Gestão da inovação.

Carvalho, M. D., & Rabechini Jr, R. (2011). Fundamentos em gestão de projetos: construindo competências para gerenciar projetos. São Paulo: Atlas.

Chua, D. K. H., Kog, Y. C., & Loh, P. K. (1999). Critical success factors for different project objectives. Journal of construction engineering and management, 125(3), 142-150.

Cleland, di; Ireland, lr. (2002). Gerência de projetos. Rio de Janeiro: Reichmann & Affonso Editores.

Cluzel, F., Yannou, B., Millet, D., & Leroy, Y. (2016). Eco-ideation and eco-selection of R&D projects portfolio in complex systems industries. Journal of Cleaner Production, 112, 4329-4343.

Cooper, R. G., Edgett, S. J., & Kleinschmidt, E. J. (1999). New product portfolio management: practices and performance. Journal of product innovation management, 16(4), 333-351.

Cox, R. F., Issa, R. R., & Ahrens, D. (2003). Management’s perception of key performance indicators for construction. Journal of construction engineering and management, 129(2), 142-151.

Cunha, C. F. da, Spers, E. E., & Zylbersztajn, D. (2011). Percepção sobre atributos de sustentabilidade em um varejo supermercadista. RAE-Revista de Administração de Empresas, 51(6), 542-552.

Damasceno Jr., J., & Chaves, M. S. (2017). Explorando o uso do modelo target: a gestão de lições aprendidas na área de projetos em uma instituição governamental de segurança pública. Revista Alcance, 24(1), 147-160.

Daniel, D. R. (1961). Management information crisis. Harvard Business Review, 111-121.

Elkington, J. (2001). Sustentabilidade Canibais Com Garfo e Faca: Triple botton line.

Fernández-Sánchez, G., & Rodríguez-López, F. (2010). A methodology to identify sustainability indicators in construction project management—Application to infrastructure projects in Spain. Ecological Indicators, 10(6), 1193-1201.

Fonseca, J. J. S. (2002). Metodologia da pesquisa científica. [Apostila] Fortaleza: UEC.

Fortune, J., & White, D. (2006). Framing of project critical success factors by a systems model. International journal of project management, 24(1), 53-65.

Jha, K. N., & Iyer, K. C. (2006). Critical determinants of project coordination. International Journal of Project Management, 24(4), 314-322. http://dx.doi.org/10.1016/j. ijproman.2005.11.005.

Jasch, C., & Lavicka, A. (2006). Pilot project on sustainability management accounting with the Styrian automobile cluster. Journal of Cleaner production, 14(14), 1214-1227.

Jugend, D., & Figueiredo, J. (2017). Integrating environmental sustainability and project portfolio management: case study in an energy firm. Gestão & Produção, (AHEAD), 0-0.

Kerzner, H. (2006). Gestão de projetos: as melhores práticas. 2. ed. Porto Alegre: Bookman.

Kessler, H., & Winkelhofer, G. (2011). Projektmanagement: Leitfaden zur steuerung und führung von projekten. Springer-Verlag.

Lucchesi, P. Z. (2013). Liderança em gestão de projetos.

Luiz, J. V. R., Jugend, D., Jabbour, C. J. C., Luiz, O. R., & de Souza, F. B. (2016). Ecodesign field of research throughout the world: mapping the territory by using an evolutionary lens. Scientometrics, 109(1), 241-259.

Marcelino-Sádaba, S., González-Jaen, L. F., & Pérez-Ezcurdia, A. (2015). Using project management as a way to sustainability. From a comprehensive review to a framework definition. Journal of cleaner production, 99, 1-16.

Martens, M. L., & Carvalho, M. M. (2017). Key factors of sustainability in project management context: A survey exploring the project managers' perspective. International Journal of Project Management, 35(6), 1084-1102.

Martens, M. L., Brones, F., & Carvalho, M. M. (2013). Lacunas e tendências na literatura de sustentabilidade no gerenciamento de projetos: uma revisão sistemática mesclando bibliometria e análise de conteúdo. Gestão e Projetos: GeP, 4(1), 165-195.

Moldan, B., Billharz, S., & Matravers, R. (1997). Sustainability indicators. A report on the project on indicators of sustainable development.

Oliveira C. M., D.; Queiroz S. O., N.; Moreira S., E.. (2014). As práticas de sustentabilidade ambiental e suas influências na nova formatação institucional das organizações. Revista de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, 3, 3.

Patah, L. A. (2010). Avaliação da relação do uso de métodos e treinamentos em gerenciamento de projetos no sucesso dos projetos através de uma perspectiva contingencial: uma análise quantitativa (Doctoral dissertation, Universidade de São Paulo).

Pestana, C. V. S., & Valente, G. V. P. (2010). Gerenciamento de projetos na administração pública: da implantação do escritório de projetos à gestão de portfólio na secretaria de estado de gestão e recursos humanos do Espírito Santo.

Pisa, B.; & Oliveira, A. (2013). Gestão de projetos na administração pública: um instrumento para o planejamento e desenvolvimento. Seminário Nacional de Planejamento e Desenvolvimento, v. 2,.

Prado, D. (2008). Maturidade em gerenciamento de projetos. Nova Lima: INDG Tecnologia e Serviços Ltda, 7.

Project Management Institute – PMI. (2013). Um guia do conjunto de conhecimentos em gerenciamento de projetos: Guia PMBOK- 5ª Edição.

Puig, M., Wooldridge, C., & Darbra, R. M. (2014). Identification and selection of environmental performance indicators for sustainable port development. Marine pollution bulletin, 81(1), 124-130.

Rabechini Jr, R., & Carvalho, M. (2006). Construindo competências para gerenciar projetos. São Paulo: Atlas.

Rabechini Jr, R., Carvalho, M. M., & Laurindo, F. J. B. (2002). Fatores críticos para implementação de gerenciamento por projetos: o caso de uma organização de pesquisa. Revista Produção, 12(2), 28-41.

Rocha, . C.da. Gomes, C. M. K., Kneipp M.. Camargo, C. R.. (2013) Gestão de projetos e sustentabilidade: um estudo bibliométrico da produção científica na base Web of Science. Revista de Gestão e Projetos - GeP, São Paulo, v. 4, n. 3, p 73-97, set./dez.

Russo, R. D. F. S. M., Ruiz, J. M., & da Cunha, R. P. (2005). Liderança e influência nas fases da gestão de projetos. Production, 15(3), 362-375.

Sabino, M. De S.. Rabechini Jr., R. (2012). A Contribuição dos Princípios de Sustentabilidade na Gestão de Projetos: O Caso Siemens do Brasil. In: XXVII Simpósio de Gestão da Inovação Tecnológica, v. 1, p. 125. ANPAD.

Sampieri, R. H., Collado, C. F., & Lucio, P. B. (2013). Metodologia de pesquisa. Penso.

Sánchez, M. A. (2015). Integrating sustainability issues into project management. Journal of Cleaner Production, 96, 319-330.

Schelini, A. L. S., Martens, C. D. P., Piscopo, M. R., & Garcez, M. P. (2017). A gestão de projetos como vantagem competitiva para internacionalização de empresas brasileiras. Internext, 12(3), 1-15.

Silva, R. R., Teixeira, M. R. S., & de Lima Rodrigues, F. T. R. (2016). Uma análise da gestão de projetos de extensão de uma Instituição Federal de ensino. Revista de Gestão e Secretariado, 7(3), 150-171.

Silvius, A. J., & Schipper, R. P. (2014). Sustainability in project management: A literature review and impact analysis. Social Business, 4(1), 63-96.

Siqueira, L. D., Crispim, S. F., & Gaspar, M. A. (2017). A influência do escritório de projetos e da estrutura organizacional projetizada no alinhamento dos projetos de tecnologia da informação aos modelos de negócios. Revista Gestão & Tecnologia, 17(2), 66-92.

Suzano, M. A., Dunham, A., & Martins, H. F.(2013). Contribuição ao Gerenciamento do Ciclo de Vida de Projetos: Considerações sobre o Fator Liderança.

Theóphilo, C. R.; Martins, G. A.(2016) Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. São Paulo: Atlas, 3, 104-119.

Viana, C. P..( 2012) A gestão de projetos no âmbito da Administração Pública Federal: uma visão estratégica. In: Anais do V Congresso CONSAD de Gestão Pública.

Wang, N.; Yao, S.; N.,;Wu, C. C., & Jiang, D.. (2015). Critical factors for sustainable project management in public projects. In International Association For Management Of Technology IAMOT 2015 Conference Proceedings. University of Pretoria.




DOI: https://doi.org/10.5585/gep.v11i2.17490

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista de Gestão e Projetos

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

GeP – Revista Gestão e Projetos
ISSN da versão eletronica: 2236-0972
www.revistagep.org