Avaliação do conhecimento do paciente em programas de reabilitação cardíaca no Nordeste e Sul do Brasil

Gabriela Lima de Melo Ghisi, Rafaella Zulianello dos Santos, Thiago Renee Felipe, Maria Irany Knackfuss, Magnus Benetti

Resumo


Introdução: A educação do paciente em reabilitação cardíaca é eficaz quando há informações precisas sobre o que os participantes sabem a respeito do seu estado de saúde e fatores relacionados. Objetivo: Avaliar o conhecimento do paciente coronariano sobre sua condição, comparando dois programas privados de reabilitação. Métodos: Duas amostras de pacientes coronarianos participantes de programas de reabilitação cardíaca no Nordeste e no Sul do Brasil foram comparados transversalmente. O conhecimento dos participantes foi avaliado por meio do questionário CADE-Q, validado psicometricamente em um estudo anterior. Os dados foram analisados por estatística descritiva, Qui-quadrado, testes “t” e Anovas. Resultados: Os pacientes do Sul apresentaram conhecimento médio total estatisticamente maior do que o dos voluntários do Nordeste, destacando-se fisiopatologia e sinais e sintomas. Conclusão: Embora as amostras tenham sido semelhantes, há diferenças entre o conhecimento dos pacientes do Sul e o dos voluntários do Nordeste, que devem ser levadas em consideração, quando programas de educação forem elaborados.

Palavras-chave


Conhecimento; Doença da artéria coronariana; Educação; Questionários; Reabilitação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v12n4.4334

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2013 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.