Tomada de decisão em sistemas ciber-físicos: uma análise bibliométrica

Henrique Lima Santana, Maria Rita Pontes Assumpção

Resumo


As mudanças no perfil de consumo por maior variedade de produtos têm elevado o nível de customização da produção. Para atender esta necessidade, a manufatura tem desenvolvido iniciativas que se consolidam na Indústria 4.0, caracterizada pelo uso de soluções para virtualização da produção, internet of things, big data, e em especial, pela utilização de sistemas ciber-físico (CPS) com capacidade de decisão autônoma. Isto significa reavaliar os inputs adotados na tomada de decisão do processo produtivo, considerando utilizar informações em tempo real, ampliar a integração da cadeia produtiva, feedback entre os intervenientes, aumentar acuracidade na previsão de demanda e controladores decisórios descentralizados. Diante desta problemática, coloca-se a questão que norteou a realização deste trabalho: como a tomada de decisão tem sido tratada no ambiente ciber-físico? Este artigo apresenta uma análise bibliométrica objetivando alcançar esta resposta.


Palavras-chave


Industria 4.0. Produção inteligente. Decisão autônoma. Customização em massa. Previsão de demanda.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/exactaep.2021.13163

Direitos autorais 2021 Exacta

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Tempo médio entre a submissão e primeira resposta de avaliação: 120 dias

Exacta – Engenharia de Produção

e-ISSN: 1983-9308
ISSN: 1678-5428
www.revistaexacta.org.br

Exacta  ©2022 Todos os direitos reservados.

Este obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional