Consuma sem consumir o mundo em que você vive

Hélio Mattar

Abstract


A humanidade vive um período inédito, em que põe em risco o seu próprio habitat. Repare na água e nas terras agricultáveis: a população consome mais do que o planeta é capaz de renovar. Por meio do consumo consciente, buscasse enfrentar essa questão, valendo-se do protagonismo individual. Procuramos fazer com que o consumidor perceba que o ato do consumo tem impactos sobre o indivíduo, sobre seu bem-estar, as relações sociais, o meio ambiente e a economia. Se as pessoas tiverem consciência do poder transformador de seu ato de consumo, será possível usar o protagonismo individual do consumidor para dar sustentabilidade à humanidade. Muitos falam em sustentabilidade do planeta, mas sempre digo que não tenho essa preocupação, pois é a humanidade que depende da saúde do planeta para sobreviver, para se desenvolver. Apesar de ter consciência disso, o homem, pelo emprego inadequado da tecnologia e pelo excesso de consumo, tem contribuído para que essa situação se agrave ainda mais.




DOI: https://doi.org/10.5585/ijsm.v5i2.118

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Copyright (c) 2019 Iberoamerican Journal of Strategic Management



Iberoamerican Journal of Strategic Management (IJSM)
Revista Ibero-Americana de Estratégia (RIAE)
e-ISSN: 2176-0756
https://periodicos.uninove.br/index.php?journal=riae

Copyright © 2020 Iberoamerican Journal of Strategic Management (IJSM) All rights reserved.
Revista Ibero-Americana de Estratégia (RIAE) ©2020 Todos os direitos reservados.