Atuações no mercado de capitais combinadas em redes sociais: apontamentos para a atribuição de responsabilidade administrativa e penal por manipulação de mercado

Marcelo Costenaro Cavali, Natália Naomi Ikeda

Resumo


Os autores pretendem apontar elementos a serem considerados, pelas autoridades públicas, para a imputação de responsabilidade, administrativa e penal, em casos de atuações coordenadas de investidores, combinadas em redes sociais, com o objetivo de provocar a elevação dos preços de valores mobiliários. Para tanto, o artigo revisa a escassa bibliografia e a parca jurisprudência existentes. Após examinarem os fundamentos da proibição da manipulação do mercado de capitais, bem como as suas formas de manifestação, os autores mencionam como as modernas formas de comunicação via redes sociais afetaram a produção e a difusão de informações relacionadas a valores mobiliários. Em seguida, analisam as atuações combinadas em redes sociais à luz da infração administrativa de manipulação de preços e do crime de manipulação de mercado. E concluem pela possibilidade de responsabilização administrativa e penal dos líderes desse tipo de atuação.


Palavras-chave


redes sociais; atuações combinadas; manipulação de mercado; responsabilidade administrativa; responsabilidade penal

Texto completo:

PDF

Referências


AKERLOF, George; SCHILLER, Robert. À pesca de tolos: a economia da manipulação e do logro. Trad. Pedro Elói Duarte. Coimbra: Conjuntura Actual. 2016.

ALLEN, Franklin; GALE, Douglas. Stock-price manipulation. The review of financial studies. Oxford: Oxford University Press, v. 5, i. 3, 1992.

BANDEIRA, Gonçalo S. de Melo. Abuso de mercado e responsabilidade penal das pessoas (não) colectivas: contributo para a compreensão dos bens jurídicos colectivos e dos “tipos cumulativos” na mundialização. Curitiba: Juruá, 2011.

BENABOU, R.; LAROQUE, G. Using privileged information to manipulate markets: insiders, gurus and credibility. Quarterly journal of economics. Cambridge: Oxford University Press, v. 107, n. 3, Aug. 1992.

BITENCOURT, Cezar Roberto; BREDA, Juliano. Crimes contra o sistema financeiro nacional e contra o mercado de capitais. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2010.

BRASIL. Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Apelação Criminal 5015871-75.2020.4.04.7100, Sétima Turma, Rel. Juiz Fed. convocado Danilo Pereira Junior, j. 01.06.2021.

BRASIL. Comissão de Valores Mobiliários. PAS nº RJ2012/11002. Rel. Dir. Roberto Tadeu Antunes Fernandes, j. 08.12.2016.

BRASIL. Comissão de Valores Mobiliários. PAS nº RJ2013/5194. jRel. Ana Dolores Moura Carneiro de Novaes, j. 19.12.2014.

CAVALI, Marcelo Costenaro. Manipulação do mercado de capitais: fundamentos e limites da repressão penal e administrativa. São Paulo: Quartier Latin, 2018.

CAVALI, Marcelo Costenaro; BALDINI, Alessandra Gomes Faria. Insider trading: fundamentos econômicos e éticos da proibição do uso indevido de informação privilegiada. In: SANTIAGO, Marcus Firmino; SAYEG, Ricardo Hasson (coord). Transformações na ordem social e econômica e regulaçãoFlorianópolis: CONPEDI, 2021.

COSTA, Isac Silveira da. “Game over” ou “new game”: o caso Gamestop e a metamorfose da manipulação de preços. Revista de Direito das Sociedades e Valores Mobiliários, São Paulo: Almedina, n. 13, maio 2021.

EIZIRIK, Nelson; GAAL, Ariádna B.; PARENTE, Flávia; HENRIQUES, Marcus de Freitas. Mercado de capitais: regime jurídico. Rio de Janeiro; São Paulo; Recife: Renovar, 2011.

FISCHEL, Daniel; ROSS, David. Should the law prohibit “manipulation” in financial markets? Harvard law review. Cambridge: The Harvard Law Review Association, v. 105, n. 2, Dec. 1991.

FOX, Merrit B.; GLOSTEN, Lawrence R.; RAUTERBERG, Gabriel V. The new stock market: law, economics, and policy. New York: Columbia University Press, 2019.

GONÇALVES, Alexandre Manoel. O crime de manipulação no mercado de capitais. Revista Criminal, São Paulo: Fiuza, n. 5, v. 13, jan./abr. 2011.

GOSHEN, Zohar; PARCHOMOVSKY, Gideon. The essential role of securities regulation. Duke law journal. Durham: Duke University Press, v. 55, n. 4, Feb. 2006.

HARRIS, Larry. Trading and Exchanges: market microstructure for practitioners. New York: Oxford University Press, 2003.

KÜMPEL, Siegfried. Direito do mercado de capitais: do ponto de vista do direito europeu, alemão e brasileiro. Rio de Janeiro; São Paulo; Recife: Renovar, 2007.

LOSS, Louis; SELIGMAN, Joel. Fundamentals of securities regulation. 5. ed. New York: Aspen Publishers, 2004.

MICHAELS, Dave; OSIPOVICH, Alexander. The Wall Street Journal. New York, 28 jan. 2021. Disponível em: https://www.wsj.com/articles/gamestop-surge-tests-scope-of-secs-manipulation-rules-11611838175. Acesso em: 26 nov. 2021.

MITTS, Joshua. A legal perspective on technology and the capital markets: social media, short activism and the algorithmic revolution (out. 28, 2019). Columbia Law and Economics Working Paper n. 615, Disponível em: SSRN: https://ssrn.com/abstract=3447235 ou http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.3447235. Acesso em: 26.11.2021.

OSIPOVICH, Alexander. GameStop Stock Frenzy: What You Need to Know. The Wall Street Journal. New York, 27 jan. 2021. Disponível em: https://www.wsj.com/articles/how-gamestops-reddit-and-options-fueled-stock-rally-happened-11611743400?mod=article_inline. Acesso em: 26 nov. 2021.

PINTO, Frederico de Lacerda da Costa. O novo regime dos crimes e contra-ordenações no Código dos Valores Mobiliários. Coimbra: Almedina, 2000.

PUGLIESE, Yuri Sahione; NAJJAR, Gabriella. O processo administrativo sancionador da CVM e o crime de manipulação de mercado. Revista de direito das sociedades e dos valores mobiliários, São Paulo: Almedina, v. 1, maio 2015.

PUTNIŅŠ, Tãlis J. Market manipulation: a survey. Journal of economic surveys. Oxford: Blackwell, v. 26, i. 5, Dec. 2012.

RENAULT, Thomas. Market Manipulation and suspicious stock recommendations on social media, Dec. 20, 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.3010850. Disponível em: https://ssrn.com/abstract=3010850. Acesso em: 16 dez. 2021.

SELIGMAN, Joel. The transformation of Wall Street: a history of the Securities and Exchange Commission and modern corporate finance. Aspen: New York, 2003.

THALER, Richard. Misbehaving: the making of behavioral economics. New York: Norton, 2015.

THEL, Steve. $850.000 in Six Minutes – The Mechanics of Securities Manipulation. Cornell Law Review. Ithaca: Cornell University, v. 79, i. 2, Jan. 1994.

VALENTI, Graziella. O IRB e o dilema da CVM: multidão manipula mercado ou é o mercado? Revista Exame. São Paulo, 28 jan. 2021. Disponível em: https://exame.com/exame-in/o-irb-e-o-dilema-da-cvm-multidao-manipula-mercado-ou-e-o-mercado/. Acesso em: 26 nov. 2021.

VILA, Jean-Luc. Simple games of market manipulation. Economics letters. North-Holland: Elsevier, v. 29, 1989.




DOI: https://doi.org/10.5585/prismaj.v20n2.21144

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Prisma Juridico

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Prisma Jurídico

e-ISSN: 1983-9286

ISSN: 1677-4760
www.revistaprisma.org.br

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional