Motivações para a Internacionalização e Modos de Entrada nos Mercados Externos

Manuel Aníbal Silva Portugal Vasconcelos Ferreira, Fernando Ribeiro Serra, Nuno Rosa Reis

Resumo


As motivações para a internacionalização das empresas devem influenciar a seleção dos modos de entrada nos mercados externos. Neste artigo usamos a classificação de John Dunning (1993) que distingue quatro motivos - procura de mercado, de recursos, de eficiência e de recursos estratégicos – discutindo conceptualmente qual o impacto sobre os modos de entrada escolhidos. As formas e estratégias das empresas multinacionais (EMNs) são escolhidas num quadro alargado onde convergem motivações com a exploração ou prospecção de vantagens específicas à empresa. A nossa análise é suportada num conjunto de proposições teóricas. O resultado é que as EMNs precisam desenvolver a melhor combinação possível de estratégia-estrutura para as suas operações internacionais, mas fazendo uma análise casuística de cada operação individual. Contribuímos, assim, para compreender melhor a seleção dos modos de entrada como enquanto reflexo de opções ou motivações estratégicas.

DOI:10.5585/riae.v10i.1719


Palavras-chave


Motivações para a Internacionalização; Procura de Recursos Estratégicos; Procura de Mercado; Modos de Entrada nos Mercados Externos; Seleção dos Mercados.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/ijsm.v10i1.1719

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2011 Revista Ibero-Americana de Estratégia – RIAE

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Iberoamerican Journal of Strategic Management (IJSM)
Revista Ibero-Americana de Estratégia (RIAE)
e-ISSN: 2176-0756
https://periodicos.uninove.br/index.php?journal=riae

Copyright © 2020 Iberoamerican Journal of Strategic Management (IJSM) All rights reserved.
Revista Ibero-Americana de Estratégia (RIAE) ©2020 Todos os direitos reservados.