Avaliação Educacional na Reforma Curricular Paulista

Antônia Nivalda Fernandes

Resumo


Este artigo propõe-se a contribuir para a compreensão do conceito de avaliação no currículo paulista a partir da proposta de reforma educacional lançada pelo governo do Estado no ano de 2007. A proposta curricular, amparada na distribuição de materiais gráficos, indica os conteúdos a ser trabalhados, a atuação dos professores, os objetivos a serem alcançados e a forma que os alunos devem ser avaliados após determinado período. Na tentativa de iniciar a discussão, apresenta-se as informações gerais sobre a reforma, a avaliação no programa São Paulo faz escola e por fim uma leitura com base nos autores sobre o conceito de avaliação, utilizada no currículo como critério para a melhoria da qualidade das escolas da rede pública estadual paulista.

Palavras-chave


Política de Avaliação. Proposta Curricular. Reforma Educacional.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/cpg.v8n0.2096

Direitos autorais



Cadernos de Pós-graduação
e-ISSN: 2525-3514
www.cadernosdepos.org.br

Cadernos de Pós-graduação ©2022 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional