A contribuição das pesquisas sobre a fase do associativismo para o estudo da organização e da ação coletiva docente

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5585/cpg.v22n2.24962

Palavras-chave:

associativismo; associativismo docente; sindicalismo docente; profissão docente

Resumo

Esta investigação é o recorte de um estudo realizado no estágio pós-doutoral e tem como escopo central analisar a contribuição das pesquisas sobre a fase do associativismo docente para a investigação da organização e da ação coletiva dos professores da educação básica. Trata-se de uma pesquisa do tipo bibliográfica, que utilizou um corpus composto por 34 produções acadêmicas resultantes de um levantamento de dados no site da BDTD e no Catálogo de Teses e Dissertações da CAPES. O estudo constatou que, a despeito de tratar-se de um campo de pesquisa ainda em fase de consolidação, os trabalhos na área têm contribuído para a conformação de novas perspectivas teórico-metodológicas para a investigação da organização e da ação coletiva docente, uma vez que existe uma tendência em indicar o período do associativismo como uma pré-história do movimento sindical docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danusa Mendes Almeida, Universidade Estadual do Ceará – UECE

Doutora em Educação

 

Antonia Rozimar Machado e Rocha, Universidade Federal do Ceará – UFC

Mestre em Educação

 

Ivan Carlos Costa Martins, Universidade Federal do Ceará – UFC

Doutora em Educação

 

Referências

ALMEIDA, Danusa Mendes; FERREIRA JÚNIOR, Amarílio. As pesquisas sobre o associati-vismo docente no Brasil: o que dizem as produções acadêmicas? In.: BAUER, Carlos et al. (orgs.). Sindicalismo e Associativismo dos Trabalhadores em Educação no Brasil: com escritos sobre os Estados Unidos da América, Inglaterra, México e Portugal. v. 2. Jundiaí, SP: Paco Editorial, 2015. Cap. 4, p. 77-89.

ARAÚJO, Ronildo de Castro. A constituição do corpo docente no ensino secundarista no Piauí (1942-1982). 2012. 193f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Piauí, Teresina, 2012.

BATALHA, Cláudio. H. M. Sociedades de trabalhadores no Rio de Janeiro do século XIX: al-gumas reflexões em torno da formação da classe operária. Sociedades operárias e mutualismo. Cadernos AEL, Campinas: UNICAMP/IFCH, v. 6, n.10/11, p. 41-66, 1999. Disponível em: https://ojs.ifch.unicamp.br/index.php/ael/article/view/2478/1888. Acesso em: 19 jul. 2023.

BATALHA, Cláudio. H. M. Relançando o debate sobre o mutualismo no Brasil: as relações entre corporações, irmandades, sociedades mutualistas de trabalhadores e sindicatos à luz da produção recente. Revista Mundos do Trabalho, v. 2, n.4, p.12-22, ago/dez. 2010. Disponível em: https://doi.org/10.5007/1984-9222.2010v2n4p12. Acesso em: 09 maio 2023.

BESEN, Danielly Samara. Os deslembrados e seus apelos: uma história da profissão docente pelo viés do associativismo (Santa Catarina/Brasil – final do século XIX e início do século XX. 2021. 223f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Ciências Humanas e da Educação, Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2021. Disponível em: https://www.udesc.br/arquivos/faed/id_cpmenu/296/ 1__tese_besen_16456512039714_296.pdf. Acesso em: 09 maio 2023.

BESCHIZZA, Rafaela Magalhães França. Revista Educando: uma estratégia de formação da As-sociação dos (das) Professores (as) Primários de Minas Gerais (1940-1945). 2022. 203f. Disser-tação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2022. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48135/tde-08062022-083833/. Acesso em: 15 jun. 2023.

CAPEL, Heloísa Selma Fernandes; DIAS, Ana Raquel Costa. Estudos culturais e história da educação: trajetórias e confluências. Aedos, v. 8, n. 18, p. 7-25, ago. 2016. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/64315/38230. Acesso em: 14 jul. 2023.

CARDOSO, Sérgio Ricardo Pereira. Associação Sul-Riograndense de Professores: um nicho de desenvolvimento da consciência de classe docente em Pelotas (1929-1979). 2011. 269f. (Dou-torado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, 2011. Disponível em: https://guaiaca.ufpel.edu.br/bitstream/handle/prefix/5414/Tese_Sergio_Ricardo_Cardoso.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 09 maio 2023.

CATANI, Denise Bárbara. Educadores à meia-luz: um estudo sobre a Revista de Ensino da Asso-ciação Beneficente do Professorado Público de São Paulo (1902-1919). 1989. 325f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universi-dade de São Paulo, São Paulo, 1989.

CATANI, Denise Bárbara. A imprensa periódica educacional: as revistas de ensino e o estudo do campo educacional. Educação e Filosofia, v. 10, n. 20, p. 115-130, jul./dez. 1996. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/928/842. Acesso em: 12 maio 2023.

CRISÓSTOMO, Elayne Lins. Um estudo histórico sobre a Associação Catarinense de Professores criada em 1952. 2017. 145f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Ciências da Educação, Universidade Federal do Ceará, Florianópolis, 2017. Disponível em: https://bdtd.ibict.br/vufind/Record/UFSC_e30fb5 90b3a310daeb32a1bfc460162d. Acesso em: 15 jun. 2023.

FALCON, Francisco José Calazans. História da Cultura e História da Educação. Revista Brasilei-ra de Educação, v. 11, n. 32, p. 328-375, maio/ago. 2006. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbedu/a/dGYwqHWMsW9qcp8WxJ6q9yP/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 15 jun. 2023.

ENGUITA, Mariano F. A ambigüidade da docência: entre o profissionalismo e a proletariza-ção. Revista Teoria & Educação (Dossiê interpretando o trabalho docente), Porto Alegre, n. 4, p. 41-61, 1991.

GINDIN, Júlian José. Os estudos sobre sindicalismo docente na América Latina e no Brasil. In.: SEMINÁRIO INTERNACIONAL PARA DISCUSSÕES DE PESQUISAS: ASSOCIA-ÇÕES E SINDICATOS DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO, 1., 2009, Rio de Ja-neiro. Anais [...]. Rio de Janeiro: [s.n.], 2009. 1 CD-ROM.

JESUS, Ronaldo Pereira de. Associativismo no Brasil do século XIX: repertório crítico dos re-gistros de sociedades no Conselho de Estado (1860-1889). Locus: Revista de História, Juiz de Fora. v. 13, n. 1, p. 144-170. 2007. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/locus/article/view/20658/11071. Acesso em: 11 jul. 2023.

LEMOS, Daniel Cavalcante de Albuquerque. O discurso da ordem: a constituição do campo do-cente na Corte Imperial. 2006. 211f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Educação e Humanidades, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006. Disponível em: http://www.proped.pro.br/teses/ te-ses_pdf/2004_1-51-ME.pdf. Acesso em: 11 jul. 2023.

LEMOS, Daniel Cavalcante de Albuquerque. Professores em movimento: a emergência do associa-tivismo docente na Corte Imperial. 2011. 219f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2011. Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/handle/1843/BUOS-8GHNHU. Acesso em: 11 jul. 2023.

LEON, Adriana Duarte. A profissão docente na cidade de Pelotas: Associação Sul Rio-Grandense de Professores e Associação Católica de Professores (décadas de 1930-1940). 2008. 116f. Disser-tação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, 2008. Disponível em: https://guaiaca.ufpel.edu.br/bitstream/handle/prefix/7834/Dissertacao _Adriana_Duarte_Leon.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 11 jul. 2023.

LUGLI, Rosário Silvana Genta. O trabalho docente no Brasil: o discurso dos Centros Regionais de Pesquisa Educacional e das entidades representativas do magistério (1950-1971). 2002. 219f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educa-ção, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.

NÓBREGA-THERRIEN, Sílvia Maria; THERRIEN, Jacques. Trabalhos Científicos e o Esta-do da Questão: reflexões teórico-metodológicas. Estudos em Avaliação Educacional. v. 15, n. 30, p. 05-16, jul/dez. 2004. Disponível em: https://publicacoes.fcc.org.br/eae/article/view/2148/2105. Acesso em: 29 jun. 2023.

NÓVOA, António. Para o estudo sócio-histórico. Revista Teoria & Educação (Dossiê interpre-tando o trabalho docente), Porto Alegre, n. 4, p.109-139, 1991.

NÓVOA, António (Org.). Os professores e a sua formação. 3. ed. Lisboa: Dom Quixote, 1997.

NÓVOA, António. O processo histórico de profissionalização do professorado. In.: NÓVOA, António (org.). Profissão Professor. 2. ed. Porto: Porto Editora, 1999. Cap. 1, p.15-21.

NUNES, Clarice; CARVALHO, Marta Maria Chagas de. Historiografia da educação e fontes. Cadernos ANPED, Porto Alegre, n. 5, p. 07-64, set. 1993. Disponível em: https://anped.org.br/sites/default/files/caderno_anped_no.5_set_1993.pdf. Acesso em: 11 jun. 2023.

OLIVEIRA, Eliana de. O processo de produção da profissão docente: profissionalização, prática pe-dagógica e associativismo de professores públicos primários em Minas Gerais (1871-1911). 2011. 159f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2011. Dispo-nível em: https://repositorio.ufmg.br/bitstream/1843/BUOS-8NEGDD/1/disserta__o_elianadeoliveira_educa__o.pdf. Acesso em: 06 jun. 2023.

OLIVEIRA, Eliana de. Ingerência política e trabalho docente: o processo de organização do magisté-rio público primário em Minas Gerais (1889-1918). 2021. 278f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2021. Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/bitstream/1843/44015/5/INGER%c3%8a NCIA%20POL%c3%8dTICA%20E%20TRABALHO%20DOCENTE.pdf. Acesso em: 06 jun. 2023.

RIBEIRO, Marlene Fernandes. Revista Pedagogium: um olhar sobre a educação no Rio Grande do Norte. 2003. 147f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2003.

RIBEIRO, Marlene Fernandes. Revista Pedagogium: A Associação de Professores em ação pelo projeto educativo da Escola Nova no RN (1920-1932). 2020. 207f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2020.

SANTOS, Yan Soares. Associativismo e docência no Recife: estratégia de atuação sociopolítica de trabalhadores docentes entre os anos de 1872-1915. 2021. 293f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Educação, Universidade Federal de Per-nambuco, Recife, 2021. Disponível em: https://repositorio.ufpe.br/bitstream/123456789/40183/1/TESE%20Yan%20Soares%20Santos.pdf. Acesso em: 06 jun. 2023.

SILVA, Ilíada Pires. A Associação Beneficente do Professorado Público do Estado de São Paulo e a cons-trução de uma identidade sócio profissional docente (1901-1910). 2004. 316f. (Doutorado em Educa-ção) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004. Disponível em: https://repositorio.usp.br/item/001372078. Acesso em: 16 abr. 2023.

SILVA, Marcelo Gomes da. “Por meio da resistência”: processo de profissionalização docente no Manifesto “ao professorado de Minas” (1900). 2012. 133f. Dissertação (Mestrado em Educa-ção) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Centro de Educação e Humanidades, Uni-versidade Estadual do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2012. Disponível em: https://www.bdtd.uerj.br:8443/bitstream/1/10592/1/Dissert_Marcelo%20Gomes%20da%20Silva.pdf. Acesso em: 12 jul. 2023.

SILVA, Marcelo Gomes da. “Operários do pensamento”: trajetórias, sociabilidades e experiências de organização docente de homens e mulheres no Rio de Janeiro (1900-1937). 2018. 304f. (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educa-ção, Universidade Federal Fluminense, Niterói, RJ, 2018. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=6360516. Acesso em: 12 jul. 2023.

THOMPSON, Edward Palmer. A formação da classe operária inglesa. v.1. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

VICENTINI, Paula Perin. Um estudo sobre o CPP (Centro do Professorado Paulista): profissão do-cente e organização do magistério (1930-1964). 1997. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Faculdade de Educação, Universidade de São Pau-lo, São Paulo, 1997.

VICENTINI, Paula Perin.; LUGLI, Rosário Silvana Genta. História da profissão docente no Brasil: representações em disputas. São Paulo: Cortez, 2009.

Downloads

Publicado

26.12.2023

Como Citar

ALMEIDA, Danusa Mendes; ROCHA, Antonia Rozimar Machado e; MARTINS, Ivan Carlos Costa. A contribuição das pesquisas sobre a fase do associativismo para o estudo da organização e da ação coletiva docente. Cadernos de Pós-graduação, [S. l.], v. 22, n. 2, p. 307–322, 2023. DOI: 10.5585/cpg.v22n2.24962. Disponível em: https://periodicos.uninove.br/cadernosdepos/article/view/24962. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos