A crise do Estado de Bem-Estar, a ruptura neoliberal e a resistência do homo politicus:

uma análise a partir da obra de Wendy Brown

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5585/2023.23878

Palavras-chave:

direitos humanos, desigualdade, justiça social, neoliberalismo

Resumo

O processo de formação do Estado de Bem-Estar Social teve, como marco inicial, o final da Primeira Guerra Mundial e começou a entrar em crise com a crise do petróleo. Neste momento, a economia, em âmbito global, passou da conhecida era da expansão para o período denominado de estagnação com a inflação alta. Isto impulsionou a socialização das ideias neoliberais. A partir da obra de Wendy Brown sobre o projeto neoliberal, o presente trabalho tem como objetivos entender as principais ideias neoliberais (formuladas principalmente por Milton Friedman e Friedrich A. Hayek) e algumas consequências do processo de (re)mercadorização das diversas esferas da vida coletiva consolidada nas últimas décadas. Entre estas, destacam-se o enfraquecimento dos direitos humanos e da cultura da igualdade e um aumento significativo do populismo e da violência. O método utilizado para a persecução da investigação foi o hipotético-dedutivo e a técnica de pesquisa foi a bibliográfica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gilmar Antonio Bedin, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do sul - UNIJUÍ / Ijuí (RS)

Docente dos PPGDs e dos Cursos de Graduação em Direito da UNIJUÍ e da URI/SAN. Líder do GP do CNPq: Direitos Humanos, Governança e Democracia (UNIJUÍ). Pesquisador do GP do CNPq: Políticas de Cidadania e Resolução de Conflitos (URI/SAN). Pós-Doutorado pelo Instituto de Estudos Avançados da Universidade de Santiago do Chile. Doutor em Direito pela UFSC. Mestre em Direito pela UFSC. Bacharel em Direito pela UNISC.

Luís Gustavo Gomes Flores, UNIFOZ e UNIAMÉRICA / Foz do Iguaçu (RS)

Docente dos Cursos de Graduação em Direito da UNIFOZ e da UNIAMÉRICA. Pós-Doutorado pelo Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. Pós-Doutorado pela UNISINOS. Doutor em Direito pela UNISINOS. Mestre em Direito pela UNISINOS. Bacharel em Direito pela UNISC.

Laura Mallmann Marcht, URI/SAN - Santo Ângelo (RS)

Doutoranda em Direito pela URI/SAN. Bolsista Integral PROSUC/CAPES. Pesquisadora do GP do CNPq: Políticas de Cidadania e Resolução de Conflitos (URI/SAN). Pesquisadora do GP do CNPq: Direitos Humanos, Governança e Democracia (UNIJUÍ). Mestra em Direito pela UNIJUÍ. Bacharela em Direito pela UNIJUÍ.

Referências

BROWN, Wendy. El pueblo sin atributos: La secreta revolución del neoliberalismo. Barcelona: Malpaso Editorial, 2017.

BROWN, Wendy. Nas ruínas do neoliberalismo: a ascensão da política antidemocrática no Ocidente. Tradução de Mario A. Marino, Eduardo Altheman C. Santos. São Paulo: Editora Filosofia Politeia, 2019.

BROWN, Wendy. Undoing the demos: neoliberalism’s stealth revolution. Brooklyn, New York: Zone Books, 2015.

FRIEDMAN, Milton. Capitalismo e liberdade. São Paulo: Arte Nova, 1977.

FRIEDMAN, Milton. Milton Friedman: Livre para Escolher - 1. O poder do mercado. YouTube: Assis Junir, 2012. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=VtwnqXVHhbU. Acesso em: 14 nov. 2023.

FRIEDMAN, Milton; FRIEDMAN, Rose. Livre para escolher: um depoimento pessoal. Tradução de Ligia Filgueiras. 1. ed. Rio de Janeiro: Record, 2015.

GALEANO, Eduardo Hughes. De pernas pro ar: a escola do mundo ao avesso. Tradução de Sergio Faraco. Porto Alegre, RS: L&PM Editores, 2011.

HAYEK, Friedrich August von. O caminho da servidão. Tradução de Anna Maria Capovilla, José Ítalo Stelle e Liane de Morais Ribeiro. 5. ed. Rio de Janeiro: Instituto Liberal, 1990.

NUNES, António José Avelãs. O keynesianismo e a contra-revolução monetarista. Coimbra: Coimbra, 1991.

PAINE, Thomas. Agrarian Justice: A revolutionary proposal to use taxation to fund pensions. New Jersey, USA: A&D Books, 2014.

ROUSSEAU, Jean-Jacques. O contrato social: princípios do direito político. Tradução de Edson Bini. 2. ed. Bauru: Edipro, 2015.

STOFFAËS, Christian. A crise da economia mundial. Tradução de Miguel Serras Pereira e João Faria. Lisboa: Dom Quixote, 1991.

THUROW, Lester Carl. O futuro do capitalismo. Como as forças econômicas moldam o mundo de amanhã. Tradução de Nivaldo Montingelli Jr. Rio de Janeiro: Rocco, 1997.

Downloads

Publicado

27.12.2023

Como Citar

BEDIN, Gilmar Antonio; GOMES FLORES, Luís Gustavo; MARCHT, Laura Mallmann. A crise do Estado de Bem-Estar, a ruptura neoliberal e a resistência do homo politicus:: uma análise a partir da obra de Wendy Brown. Prisma Juridico, [S. l.], v. 22, n. 2, p. 349–366, 2023. DOI: 10.5585/2023.23878. Disponível em: https://periodicos.uninove.br/prisma/article/view/23878. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos