Avaliação isocinética do joelho no pré-operatório de artroplastia total

Carolina Barreto Mozzini, Daiana Moreira Mortari, Gilnei Lopes Pimentel

Resumo


A osteoartrose de joelho dificulta as atividades rotineiras e a deambulação pela degeneração articular e alterações do desempenho muscular que o membro inferior afetado apresenta. Neste artigo, objetivou-se analisar retrospectivamente o pico de torque muscular isocinético concêntrico dos extensores e flexores do joelho, por meio da dinamometria computadorizada. Compararam-se 13 indivíduos com osteoartrose de joelho, ocasionada pela degeneração da cartilagem, no pré-operatório de artroplastia total unilateral, com outros 13 sem essa doença. Os achados mostram que os portadores dessa enfermidade apresentam redução significativa do pico de torque de flexores e extensores do joelho no membro acometido, quando comparado ao contralateral, bem como redução significativa do pico de torque de extensores do joelho a 180º/s, quando comparados ao grupo sem essa patologia. Verificamos que há redução de força muscular de extensores e flexores de joelho em indivíduos com osteoartrose do joelho em fase pré-operatória de artroplastia total.

Palavras-chave


Avaliação isocinética, Artroplastia de joelho, Osteoartrose.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v8i3.1708

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2009 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.