Efeito da laserterapia de baixa potência na inflamação pulmonar em rattus novergicus

Geraldo Cardoso Oliveira Júnior, Luanna Anielle Evangelista do Santo, Hoctávio Pereira de Sá, Hyezio de Moura Nunes, Wellington dos Santos Alves, Kelsyanne de Castro Carvalho

Resumo


Introdução. A doença pulmonar obstrutiva crônica é uma enfermidade respiratória caracterizada pela presença de obstrução crônica do fluxo aéreo e manifestação inflamatória. Objetivo. Verificar o efeito da laserterapia de baixa potência no tratamento da inflamação pulmonar. Metodologia. Utilizou-se 30 ratos, divididos em três grupos de dez animais: grupo controle (recebeu apenas ar ambiente); grupo DPOC e grupo DPOC+laser (expostos à fumaça de cigarro durante 45 dias, sendo o grupo DPOC+laser tratado durante 12 dias com laser 904nm). Para análise dos resultados foi realizada histopatologia. Resultados. O grupo controle apresentou espaços aéreos normais com distorção arquitetural periférica do pulmão, o grupo DPOC demonstrou um enfisema acentuado, áreas de atelectasias e destruição das paredes alveolares. O grupo tratado houve uma regressão de enfisema acentuado para discreto. Conclusão. Na análise realizada, a inflamação pulmonar induzida pelo cigarro pode ser comprovada e a laserterapia de baixa potência mostrou-se eficaz na atenuação da inflamação.

Palavras-chave


Inflamação pulmonar; Histologia; Terapia a laser de baixa potência.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v9i4.2310

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2010 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.