Análise termográfica da região de masseter após irradiação com laser ou LED – estudo clínico

Carina Mendes Balestra, Jorge Luiz Reis de Oliveira, Renata Amadei Nicolau, Rodrigo Silveira de Sales Dias

Resumo


Introdução: Segundo alguns estudos, a terapia com laser de baixa intensidade pode promover modificações na microcirculação periférica. Objetivo: Busca-se, por meio desse estudo analisar a temperatura facial após ser submetida a irradiação com laser e LED. Métodos: Nove voluntários, com idade média de 28 anos, receberam radiação com laser (660 nm, 30 mW, 7,5 J/cm2, 10 segundos) ou LED (640±20 nm, 30 mW, 4 J/cm2, 20 segundos). Resultados: O lado contralateral (controle) das terapias não apresentou diferenças significativas pós-irradiação. Conclusão: Pode-se sugerir que, na dose testada, não existiram efeitos sistêmicos sobre a temperatura superficial pós-irradiação. As terapias com os parâmetros utilizados (teste) para o laser não promoveram diferença significativa na temperatura superficial local, no entanto, para o LED pode apresentar efeito modulador da temperatura periférica em até 5 minutos pós-irradiação, podendo auxiliar no pós- operatório, porém necessita de mais estudos.

Palavras-chave


Lasers; Luz; Microcirculação; Temperatura cutânea; Termografia.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2011 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.