Relação entre equilíbrio dinâmico e qualidade de vida de participantes de um programa de atividade física voltado ao público idoso

Eduardo Hauser, Valéria Feijó Martins, Adriane Ribeiro Teixeira, Andrea Kruger Gonçalves

Resumo


Introdução: O equilíbrio corporal é um dos fatores mais importantes associados às quedas, sendo a atividade física uma ferramenta para a melhora deste equilíbrio. Objetivo: Verificar a associação entre equilíbrio dinâmico e qualidade de vida de participantes de um projeto de extensão voltado para a atividade física em idosos. Métodos: Realizou-se estudo do tipo transversal e ex post facto com amostra de 94 indivíduos. Utilizaram-se questionário sociodemográfico, teste de levantar, andar 2,44 m e voltar a sentar e instrumento SF-36. Resultados: Houve correlações significativas entre o equilíbrio dinâmico e todos os domínios do SF-36, inclusive o somatório geral de qualidade de vida, indicando que quanto maior a pontuação da qualidade de vida, melhores os resultados de equilíbrio. Conclusão: Ressalta-se a importância de um trabalho focado no equilíbrio corporal, buscando melhorar a qualidade de vida e a percepção dos idosos em relação à sua autonomia e independência em tarefas do cotidiano.

Palavras-chave


Equilíbrio postural; Qualidade de vida; Envelhecimento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v14n2.5512

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.