Impacto da utilização de recursos fisioterapêuticos no tratamento de úlceras cutâneas de diferentes etiologias

Gabriela de Souza Gricio, Najara Nader Zago, Nanci Mendes Pinheiro, Adriana Clemente Mendonça

Resumo


Introdução: Úlceras cutâneas são lesões graves que atingem a epiderme e a derme, podendo se estender aos tecidos subjacentes. Objetivo: Avaliar o impacto da utilização dos recursos fisioterapêuticos sobre a cicatrização e a qualidade de vida dos indivíduos com úlcera cutânea de diferentes etiologias. Métodos: Ensaio clínico randomizado, com 20 indivíduos divididos em grupo tratado (GT) e controle (GC), todos receberam cuidados de enfermagem e o GT realizou 20 sessões de fisioterapia duas vezes por semana por dez semanas. Aplicado questionário de Qualidade de Vida WHOQOL-BREF e mensuração das úlceras no início e término do tratamento. Resultados: O GT apresentou uma taxa de cicatrização de 52,21 ± 43,58% e o GC 37,96 ± 38,83%, sem diferença estatística. Na QV apenas o GT obteve diferença estatística pré e pós tratamento. Conclusão: Os recursos fisioterapêuticos apresentaram impacto positivo no tratamento de úlceras cutâneas, com melhora na QV.

Palavras-chave


Úlcera Cutânea; Qualidade de Vida; Técnicas de Fechamento de Ferimentos; Modalidades de Fisioterapia; Cicatrização de Feridas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v16n1.6610

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.