Quantificação das manipulações em recém-nascidos pré-termo em Unidade de Terapia Intensiva: uma proposta de elaboração de protocolo

Maria Wilsa Cabral Rodrigues de Sousa, Wilza Cabral Rodrigues da Silva, Sandra Alves Neves Araújo

Resumo


Neste estudo, procurou-se quantificar as manipulações diárias a que os recém-nascidos pré-termo (RNPTs) são submetidos em Unidade de Terapia Intensiva (UTI-Neo), com base nesses dados, propor um protocolo de intervenção mínima. O método baseou-se em pesquisa de campo de caráter exploratório, descritiva, sob abordagem quantitativa. A coleta de dados foi feita, por meio de formulários, com os prematuros internados em UTI-Neo, de um hospital público infantil da cidade de São Paulo. Os dados foram coletados em um período de seis horas diárias, durante 17 dias consecutivos. Concluiu-se que, por dia, ocorrem 45,42 manipulações, em 341min e 24s, no total de 5h41min24s, restando para descanso 18min e 36s. Percebeu-se que os RNPTs são muito manipulados, não havendo tempo para descanso.

Palavras-chave


Manipulação; Recém-nascidos prematuros; UTI-Neo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5585/conssaude.v7i2.701

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2008 ConScientiae Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Conscientiae Saúde
ISSN: 1677-1028
e-ISSN: 1983-9324
www.conscientiaesaude.org.br

Conscientiae Saúde ©2020 Todos os direitos reservados.