Curta-metragem no componente curricular projeto de vida

Devair Gonçalves Sanchez

Resumo


O presente artigo pretende promover uma reflexão acerca da produção de curtas-metragens, como arquétipo de metodologia ativa, no âmbito da Educação Básica, precisamente no Ensino Médio, na disciplina denominada Projeto de Vida. Para tanto, o artigo se divide em dois momentos: primeiramente, será feita uma análise dos fundamentos filosóficos e pedagógicos que embasam a disciplina de Projeto de Vida, tendo por escopo a questão da emancipação e do engajamento dos alunos/sujeitos, à vida, à sociedade e à alteridade, como objetivos finais e essenciais a serem atingidos. Posteriormente, será desenvolvida uma explanação acerca da experiência obtida com o projeto Curta-metragem, realizado pela Escola Estadual José Manoel Fontanillas Fragelli, no município de Angélica, Mato Grosso do Sul. 


Palavras-chave


curta-metragem; ensino médio; projeto de vida

Texto completo:

PDF

Referências


AUMONT, J. A imagem. Tradução de Estela dos Santos Abreu e Cláudio C. Santoro. 5. ed. Campinas: Papirus, 1993.

BARNWELL, J. Fundamentos de produção cinematográfica. Porto Alegre: Bookman, 2013.

BOHOSLAVSKY, R. Vocacional: teoria, técnica e ideologia. São Paulo: Cortez, 1983.

BORTOLAZZO, S. O sujeito digital multitarefa: entre tecnologias e educação. Educação e Tecnologia. 21. n. 1. Belo Horizonte. jan./abr. 2016. p. 9-19.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 23 dez. 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Base nacional comum curricular. Brasília, DF: MEC, 2015. Dis-ponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acesso em 07 de dezembro de 2021.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Brasília: Ministério da Educação/Secretaria de Educação Média e Tecnológica, 1999. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/blegais.pdf. Acesso em 02 mar. 2021.

BRANDÃO, C. R. O que é educação. 28 Ed. São Paulo: Brasiliense, 1993.

BUCKINGHAM, D. Crescer na era das mídias eletrônicas. Trad. Gilka Girardello e Isabel Orofino. Rio de Janeiro: Loyola, 2007.

CARVALHO, E. J. G. de. Cinema, História e Educação. Teoria e Prática da Educação. Revista do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Maringá, Maringá, v. 3, n. 5, 1998.

CONTIJO, M. Sujeito, tecnologia e recepção: contribuição aos estudos de uso de novas tecnologias de informação e comunicação. Perspect. ciênc. inf., Belo Horizonte, v.10 n.1. jan./jun. 2005. p. 70-85.

FONSECA, S. G. Didática e prática de ensino de história. 8ª. ed. Campinas: Papirus, 2009

FRANCO, M. Pedagogia da Pesquisa-Ação. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 3, p. 483-502, set./dez. 2005.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática docente. 4. Ed. São Paulo: Paz e Terra, 2000.

FREIRE, P. Pedagogia da indignação: cartas pedagógicas e outros escritos. SP: Unesp. 2000.

KLEIN, A. M. Projetos de Vida e Escola: a percepção de estudantes do Ensino Médio sobre a contribuição das experiências escolares aos seus projetos de vida. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo. São Paulo, 2011. p. 232.

LUCCHIARI, D. H. P. S. Pensando e vivendo a orientação profissional. São Paulo: Summus Editorial, 1993.

MOLETTA, Alex. Criação de curta-metragem em Vídeo Digital: Uma proposta para produções de baixo custo. São Paulo: Summus, 2009.

MORAN, José Manuel et al. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 6. ed. Campinas: Papirus, 2000.

PERRENOUD, P. Formar professores em contextos sociais em mudança: Prática reflexiva e participação crítica. Revista Brasileira de Educação, Campinas, n. 12, set./dez. p. 5-21. 1999.

PRATA; LINHARES. Contribuições da arte na formação de professores universitários. In: Marcos Tarciso Masetto. (Org.). Inovação no Ensino Superior. 1ª ed. São Paulo: Loyola. p. 56-66. 2012

SARTRE, J. El ser y la nada: ensayo de una ontología fenomenológica. Madrid: Alianza Universidad/Losada, 1989.




DOI: https://doi.org/10.5585/cpg.v20n2.20365

Direitos autorais 2021 Cadernos de Pós-graduação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Cadernos de Pós-graduação
e-ISSN: 2525-3514
www.cadernosdepos.org.br

Cadernos de Pós-graduação ©2021 Todos os direitos reservados.

Esta obra está licenciada com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional